.
NOVAS NOTÍCIAS:
Carregando...

Lance Armstrong: lutou no hospital e na Estrada, mas desiste no tribunal

Quem é o recordista do Tour? Para já, ainda é Lance Armstrong, mas a resposta poderá ser outra dentro de pouco tempo. O ciclista norte-americano, a braços com acusações de consumo de substâncias proibidas, prepara-se para desistir deste combate e poderá perder os seus sete títulos na Volta a França, bem como ver o seu nome apagado dos livros de recordes.
--_O ciclista tornou-se uma lenda viva com as vitórias que conseguiu na principal prova mundial de ciclismo. --_Na memória dos amantes da modalidade, e não só, estão arrancadas sobre-humanas nas íngremes montanhas do Tour, deixando os adversários sem reação à altura. Tudo isto depois de ter vencido a luta contra o câncer.
--_Agora, Armstrong optou por abandonar um campo de batalha onde precisaria, uma vez mais, de todas as suas forças – sobretudo mentais - para combater as alegações da Agência Norte-americana Anti-doping (USADA). Contestou judicialmente a autoridade daquele organismo neste caso, mas não lhe foi dada razão e o processo seguiu.
--_Desistindo, como aconteceu, as consequências da retirada serão duras. Travis Tygart, director da USADA, não tem dúvidas de que além da perda dos títulos alcançados na estrada, Armstrong poderá ser banido do ciclismo para toda a vida. A decisão está nas mãos da União Internacional de Ciclismo (UCI), que hoje disse esperar mais .
--_Ciente das consequências, o ciclista reformado diz-se cansado numa luta interminável, que não lhe dá tréguas apesar de sempre ter comparecido aos controlos enquanto ultrapassava os seus adversários nas estradas francesas entre 1999 e 2005.
-
«Chaga-se a um ponto na vida de todos os homens em que temos de dizer ‘basta’. Para mim, esta é a hora», disse ontem à noite, poucas horas antes de poder dar início à arbitragem do processo. Armstrong classifica a investigação da USADA de «caça às bruxas inconstitucional».
«Tenho lidado com alegações de que fiz trapaça e de que tive uma vantagem irregular ao vencer os meus sete Tours desde 1999. O fardo que isto trouxe à minha família, ao meu trabalho na nossa fundação e a mim deixa-me neste ponto – acabado com este disparate», justificou Armstrong.
-
A USADA entende que a desistência de Armstrong é u assumir de culpa e, além dos títulos gauleses, poderá ainda perder outros troféus, bem como prémios monetários. Mais: Comité Olímpico Internacional poderá reclamar a medalha de bronze dos Jogos de 2000.
-
Fonte: SOL

0 comentários: