NOVAS NOTÍCIAS:
Carregando...

Volta a Espanha 2009: Gerald Ciolek vence segunda etapa

- -_O ciclista alemão Gerald Ciolek ganhou este domingo a segunda etapa da Volta a Espanha de ciclismo, que decorreu entre Assen e Emmen.
- -_O corredor da Team Milram bateu ao sprint Fabio Sabatini (Liquigás) e Roger Hammond (Cervélo TestTeam), respectivamente.
- -_Com esta vitória, Gerald Ciolek subiu para o segundo lugar da geral individual. O ciclista está a oito segundos do líder Fabian Cancellara (Saxo Bank). O belga Tom Boonen (Quick Step) é terceiro classificado, a nove segundos do camisa dourada.
-
Fonte: Diário Digital - http://diariodigital.sapo.pt
Link Origem: http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=123&id_news=406886


Curiosidade: Em Copenhague, 37% da população anda de bicicleta.

- -_A capital dinamarquesa é a cidade mais popular da Europa entre os ciclistas. São 350 km de ciclovias em uma cidade limpa e sem ladeiras, o que faz com que 37% das pessoas em Copenhague vão de bicicleta para o trabalho, escola ou universidade. Mas o governo dinamarquês acha pouco. Até 2012, o plano é chegar a 40% de ciclistas, passando para 50% em 2015.
- -_Os ciclistas de Copenhague têm preferência nos cruzamentos e nos semáforos. A cidade vai ser sede da conferência da ONU (Organização das Nações Unidas) sobre as mudanças climáticas, em dezembro. Ela quer miostrar para o mundo o quanto já é verde, e persegue metas ainda mais ambiciosas para o futuro.
- -_Para tornar as bicicletas responsáveis por metade do transporte, já há uma ponte que é fechada para carros e planos para ampliar as ciclovias existentes. Também está sendo estudada a criação de um pedágio urbano para desencorajar os motoristas de carros.
- -_Porém o sistema mais ambicioso e libertário é o das bibliotecas públicas, ou partilhadas (em dinamarquês bycyklen). Elas ficam à disposição da população, gratuitamente, entre maio e outubro (durante o duro inverno do Báltico, são recolhidas). As pessoas pegam uma bicicleta pública, fazem o percurso que desejam e deixam-na no meio da rua, para uso dos seus concidadãos.
- -_O sistema foi implantado em 1995, a partir de uma ideia que vem dos anos 1970. As bycyklen são de um modelo robusto e simples, sem marchas, para reduzir os custos, e pintadas em cores brilhantes. Só podem circular num determinado perímetro da cidade. No inverno, passam por uma revisão geral. Copenhague possui 2 mil dessas bicicletas estatais, distribuidas por 110 estações.
- -_A geografia da capital dinamarquesa favorece o ciclismo. A cidade, na costa de uma ilha do Mar Báltico, é quase toda plana, com ladeiras mais penosas apenas na parte noroeste. O tamanho também ajuda. Copenhague tem 500 mil habitantes, embora a região metropolitana alcance 1,8 milhão, um terço da população total da Dinamarca.
- -_A campanha conta com o apoio do príncipe da Dinamarca, que também anda de bicicleta. "É bom para o clima, mas também para manter a forma e evitar a obesidade, um outro grave problema dos dias de hoje", diz o príncipe Frederik.
- -_Uma pesquisa do departamento de transportes de Copenhague indica que quanto mais pessoas andam de bicicleta, mais segura é a viagem. O número de ciclistas mortos na cidade caiu pela metade na última década e a maioria dos motoristas não reclama, porque eles também têm bicicletas.
-
Fonte: Porto Vermelho - http://www.vermelho.org.br
Link Origem: http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_secao=10&id_noticia=114686

Ciclistas portugueses vencem o Tour do Brasil/Volta Ciclistica de São Paulo

- -_O português Sérgio Ribeiro, da equipe Barbot/Siper/Azeite Vila Flor, é o campeão do Tour do Brasil/Volta Ciclística de São Paulo 2009. Neste domingo, na etapa final entre Jundiaí e São Paulo, com 48,8 km, ele terminou na 11 posição, resultado suficiente para confirmar sua boa campanha e garantir o título geral da competição.
- -_O ciclista completou as nove etapas e mais de 1.289 quilômetros com o tempo de 27h23min00s, além de ganhar duas delas. A segunda colocação ficou com Bruno Pires, também lusitano, com 27h23min24s. Magno Nazaret, da Fapi Funvic/Sundown/JKS, de Pindamonhangaba, foi o melhor brasileiro ao chegar em terceiro (27h23min412s).
- -_A última etapa foi vencida pelo uruguaio Hector Figueiras, também de Pindamonhangaba. Dos 154 ciclistas que largaram na semana passada, 102 completaram a prova.
- -_Na briga entre equipes, o time português levou o troféu com o tempo de 82h11min43, quase dois minutos de vantagem para a segunda colocada, a bicampeã Scott/Marcondes César, de São José dos Campos (82h13min40s). A terceira colocação foi da Fapi Funvic/Sundown/JKS, de Pindamonhangaba, com o tempo de 82h16min58s.
- -_O cubano Michel Garcia, da Cesc/Sundown/N. Caixa/Calipso/Maxxis/Kuruma, de São Caetano do Sul, foi o campeão por pontos, enquanto o brasileiro Ricardo Ortiz, da Padaria Real/Céu Azul/Cannondalle, de Sorocaba, venceu na classificação de montanha.
- -_A campanha dos portugueses na disputa foi quase perfeita. Depois do quinto lugar na prova de abertura, o contra-relógio por equipes, o time mostrou porque foi o terceiro colocado na Volta de Portugal deste ano. Sérgio Ribeiro venceu a terceira etapa, entre São José dos Campos e Atibaia, e a quarta, entre Atibaia e São Carlos, assumindo a liderança do Tour.
- -_Com seus ciclistas pedalando juntos, a equipe ganhou o apelido de "Trem Português". Eles souberam proteger o líder até o final e festejar o título individual e de equipes, além do vice em montanha. Satisfeito com a campanha, Ribeiro prometeu voltar no próximo ano.
- -_"Esta vitória vai ficar marcada na história da nossa equipe, foi uma bela estreia no Brasil e se depender de mim, voltaremos no ano que vem. Se não fosse a equipe, eu não estaria com esta camisa amarela. Não posso dizer que esta foi uma vitória individual. Agradeço muito a todos da minha equipe", disse o campeão.
- -_"Conseguimos administrar bem nossa vantagem e também fomos muito bem. As equipes brasileiras não conseguiram reverter a situação e foi uma grande estreia no Brasil. Com relação ao evento, foi muito bom e gostei. Há alguns ajustes, claro, mas foi muito bom estar aqui", festejou o técnico Carlos Pereira.
- -_Melhor brasileiro na competição, Magno Nazaret reconheceu que aprendeu muito com os representantes lusitanos. "Sem contar as quedas, estes dias de prova foram ótimos, pois conseguimos bons resultados e ficamos na briga com os portugueses. Foi muito difícil manter esta terceira colocação. A Volta foi muito boa, todos aprendemos muito com a equipe portuguesa, tanto os atletas quanto a organização", admitiu.
- -_"O ciclismo nacional é carente desse contato com as equipes europeias e já que não temos condições de ir para fora, é muito bom tê-los aqui. Quero parabenizar toda a minha equipe, pois o trabalho dela é essencial e ninguém ganha sozinho no ciclismo", disse o terceiro colocado.
-
Fonte: Abril Esportes - http://www.abril.com.br/noticias/esportes
Link Origem: http://www.abril.com.br/noticias/esportes/ciclistas-portugueses-dominam-vencem-competicao-511855.shtml

"Estou confiante para Vuelta”, diz Farrar

- -_Norte-americano é visto como um dos favoritos na etapa de abertura da Vuelta a España, neste sábado.
- -_O norte-americano Tyler Farrar (Garmin-Slipstream) é um dos favoritos para a conquista da etapa de abertura da Vuelta a España, que acontece neste sábado. O início da competição trás um percurso de 4.8 km no contrarrelógio e será disputada na cidade de Assen, Holanda.
- -_“Não será fácil, mas estou confiante e vou fazer de tudo”, afirmou. “Eu tive um bom prólogo no Eneco Tour – fiz segundo”, lembrou.
- -_Ele acredita na possibilidade de vitória, principalmente pelo trajeto ser menor do que 5 km. Tyler Farrar é um dos principais ciclistas no contrarrelógio. O americano venceu a etapa de 2,7 km do Delta Tour da Nova Zelândia e assumiu a camisa de líder da competição, vencendo na classificação geral dois dias depois.
- -_Farrar precisa demonstrar na Vuelta o mesmo desempenho que teve nas últimas duas semanas – onde conquistou quatro vitórias. Ele não venceu nenhuma etapa do Giro d´Itália e do Tour de France, mas está mais confiante para disputar o terceira e última grande Volta do ciclismo.
- -_“Estou mais tranqüilo e descontraído para essa prova. Não tenho a mesma tensão das outras grandes Voltas”, comentou. “Além disse, para a Vuelta, minha seqüência nos últimos dez dias tem sido excelente.”
- -_Há duas semanas, Farrar venceu uma das mais longas provas de um único dia, a Clássica de Hamburgo. Já no Eneco Tour, o norte-americano faturou três etapas e assim, provou estar com um condicionamento físico adequado.
- -_Para ele, Tom Boonen , Oscar Freire, Daniele Bennati e André Greipel são os principais concorrentes e podem atrapalhar seu caminho para vencer a etapa de uma grande Volta.
- -_“Há também o Matti Breschel, segundo na Vattenfall (Clássica de Hamburgo), e meu parceiro de treino, Wouter Weylandt (Quick Step). No entanto, se tenho todos eles pela frente, só me resta ganhar.”
- -_Mark Cavendish (Columbia), algoz de Farrar no Giro e no Tour, não estará na prova, aumentando a confiança do norte-americano
-
Fonte: Prologo - http://prologo.uol.com.br
Link Origem: http://prologo.uol.com.br/scripts/materia/materia_det.asp?idMateria=3174

José Antonio Hermida assume liderança da UCI

- -_Espanhol é o líder no ranking de mountain bike, deixando para trás o francês Julien Absalon.
- -_O ciclista José Antonio Hermida (Multivan-Merida) tornou-se líder, pela primeira vez na carreira, do ranking de mountain bike da UCI, superarando o francês Julien Absalon, bicampeão olímpico da modalidade.
- -_A liderança chega após uma bela temporada do espanhol. Ele venceu a primeira etapa Copa do Mundo, Pietermaritzburgm na África do Sul, além de fazer uma ótima seqüência nos meses de julho e agosto, quando ganhou o campeonato da Espanha, o sub-campeonato europeu e faturou dois segundos lugares no Giro Canadense.
- -_Hermida afirmou estar muito contente e emocionado. “É um ranking. Não é um título, uma medalha, mas representa a evolução durante a temporada. Minha regularidade nos últimos anos, principalmente em 2009, me recompensou com essa colocação no ranking.”
- -_“Além disso, veio em um ótimo momento, próximo ao início da Copa do Mundo. Não vou pedalar mais rápido, mas é um fator motivacional extremamente positivo”, lembrou.
-
Fonte: Prologo - http://prologo.uol.com.br
Link Origem: http://prologo.uol.com.br/scripts/materia/materia_det.asp?idMateria=3172

Morro carioca recebe competição internacional de Mountain Bike

- -_Pela primeira vez uma favela carioca sediará um evento esportivo internacional, o inédito Red Bull Desafio no Morro, nos dias 26 e 27 de setembro. Dezesseis atletas selecionados da modalidade downhill do mountain bike (dez brasileiros e seis estrangeiros) competirão contra o relógio ao longo das vielas, lajes e escadarias do Morro de Santa Marta, na Zona Sul do Rio de Janeiro, em busca dos melhores tempos e do lugar mais alto do pódio – além de uma premiação total de R$ 35 mil.
- -_O complexo percurso terá 760m de comprimento e um total de 170m de desnível, combinando trechos técnicos com saltos de até 8m e descidas que permitirão velocidades superiores a 50km/h. Com a instalação de 13 obstáculos e rampas integrando a pista de corrida às construções locais, o percurso no morro carioca promete ser um desafio até mesmo para os melhores atletas do mundo.
- -_“Ainda não conheci o local, mas pelo que ouvi dizer está bem exigente tecnicamente, com alguns trechos bem estreitos e sinuosos”, afirma o inglês Gee Atherton, campeão mundial de MTB downhill, que virá ao Rio como um dos favoritos ao título do Red Bull Desafio no Morro.
- -_A competição acontecerá em duas etapas: nas classificatórias de sábado, os 16 atletas terão a oportunidade de buscar os melhores tempos para as finais entre os 10 mais rápidos, no domingo. Aquele que completar a prova com o menor tempo será o campeão.
-
Fonte: Final Sports - http://www.finalsports.com.br
Link Origem: http://www.finalsports.com.br/03/comando/headline.php?n_id=111922&u=0

Ciclismo agita Curitiba no fim de semana e interrompe tráfego na Estrada da Graciosa

- -_O ciclismo promete roubar a cena esportiva neste fim de semana em Curitiba e litoral do Paraná. A partir desta sexta-feira (28) atletas de todo o país, inclusive integrantes da seleção brasileira, disputam a 2ª etapa da Copa Curitiba de Ciclismo de Pista. As provas serão realizadas no Velódromo do Jardim Botânico, vão até domingo (30) e serão organizadas pela Federação Paranaense de Ciclismo.
- -_Serão disputadas provas de velocidade (individual e por equipes), perseguição e por KM, nas categorias elite e júnior (masculino e feminino). As primeiras disputas começam às 14h desta sexta. No fim do dia os vencedores recebem premiações.
- -_Subida da Graciosa fecha tráfego na PR 410
- -_No domingo, ciclistas irão enfrentar a prova “Subida da Graciosa”, partindo de Morretes, no litoral do Paraná, até a cidade de Quatro Barras, região metropolitana de Curitiba. O trajeto será todo feito pela tradicional Estrada da Graciosa em percursos de 15km (para ciclismo) e 37km (para mountain bike).
- -_Durante toda a manhã o tráfego de veículos na rodovia PR 410 será interrompido nos dois sentidos. Policiais Rodoviários Estaduais estarão no local para escoltar os atletas e orientar os motoristas que por ventura tentem passar pelo local. Quem quiser ir a Morretes deverá optar pela BR 277, ou ir pela própria Graciosa, a partir das 12h.
- -_A prova terá início sua largada às 9h30, na localidade de São João da Graciosa, em Morretes. Os competidores do ciclismo farão apenas a subida, enquanto os de mountain bike ainda terão que encarar um percurso de 22 km pela estrada velha da Graciosa, passando também pelo conhecido Caminho Imperial, trilha que foi usada por D. Pedro II no século XIX.
- -_A dificuldade da prova é considerada alta, que exige muito dos competidores. Premiações serão oferecidas aos vencedores e também ao atleta que conseguir o melhor tempo.
-
Fonte: Gazeta do Povo - http://portal.rpc.com.br/gazetadopovo/esportes
Link Origem: http://portal.rpc.com.br/gazetadopovo/esportes/conteudo.phtml?tl=1&id=918887&tit=Ciclismo-agita-Curitiba-no-fim-de-semana-e-interrompe-trafego-na-Estrada-da-Graciosa

Mundial de MTB não terá presença feminina do Brasil

- -_No início do mês de setembro acontecem as disputas do Campeonato Mundial de Mountain Bike, na Austrália. O Brasil contará com seis representantes nacionais: Rubens Donizete, Edivando Souza Cruz e Ricardo Pscheidt na prova principal, Henrique Avancini e Shermann Prezza de Paiva, na sub-23, e Frederico Nascimento Mariano, na Júnior
- -_Na competição internacional, a seleção Brasileira não contará com a presença de atletas da categoria feminina, mesmo tendo cinco vagas asseguradas pelo ranking internacional. A decisão da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC), juntamente com o técnico do time nacional, Eduardo Ramires, foi muito contestada pelas atletas. No último fim de semana, durante a final da Copa Internacional de Mountain Bike, uma das mais importantes do país, em Congonhas (MG), as atletas correram com uma fita preta no braço, em sinal de protesto. Na competição, Erika faturou seu quinto título, se tornando a maior vencedora da disputa.
- -_A opção por não levar nenhuma atleta mulher para o Mundial foi tomada por Ramires, que questionou a falta de índice técnico das competidoras. “Acompanhei as últimas competições internacionais, como Pan-Americanos e Mundiais e também as provas aqui no Brasil e a avaliação que eu tive é que as atletas estão acomodadas. Como não há muitas competidoras de elite competindo, e com a saída da Jaqueline Mourão também, isso é um alerta para que elas corram atrás e reformulem o esquema de treinamento que estão fazendo para melhorar a performance física”, explicou o técnico.
- -_Jaqueline Mourão, citada por Ramires, é a única atleta brasileira a disputar as Olimpíadas de verão e inverno. Dentre outros títulos, a atleta garantiu a 19ª posição nos Jogos Olímpicos de Pequim-2008, 5º lugar no Pan-Americano do Rio de Janeiro-2007. 18º lugar em Atenas-2004, foi tetracampeã brasileira de MTB Cross-country e eleita cinco vezes pelo Comitê Olímpico Brasileiro a melhor da modalidade.
- -_Logo que a opção do técnico foi definida, Érika Gramiscelli, líder do ranking nacional, seria o primeiro nome a ser escolhido para o Mundial, assim como Roberta Stopa, segunda colocada. A vencedora da Copa Internacional MTB afirma que as competições e a Confederação da modalidade não dão um respaldo suficiente para o crescimento. “Não sei se é preconceito ou machismo, sinceramente, fiquei pasma com as palavras dele. É um técnico, confiamos, damos credibilidade para ele nos representar da melhor forma. E ele simplesmente disse que o motivo era ‘falta de nível para competir no Mundial’. Foram questionadas várias coisas, como rever nossa performance física, que faltava garra nas categorias femininas. Eu fiquei chocada, o problema não era por questões burocráticas”, disse a atleta.
- -_A jornalista Renata Falzoni, referência nas competições de aventura, em seu Twitter, declarou que ambas as partes da discussão tem pontos de razão. “Mulheres brasileiras excluídas do Mundial de MTB, ambos lados têm razão, está muito baixo o nível do Mountain Bike delas; mas dizer que mulher não aguenta dor é mancada! As atletas de MTB podem estar fracas, mas mulher agüenta dor sim”, afirmou a biker e repórter.
- -_Alerta - O anúncio de Eduardo Ramires foi, para o técnico, um alerta para as competidoras melhorarem seus desempenhos e não questiona a habilidade de nenhuma delas. “Se eu não tomasse uma atitude que as alertasse, para se fortalecerem até o próximo Pan-Americano em março de 2010, ficariam estacionadas. Elas têm um prazo mais do que suficiente para atingirem um pico de performance, e serão novamente avaliadas. Elas não estavam conseguindo nenhum bom resultado em provas de Pan-Americano”, afirmou Ramires.
- -_Érika, por sua vez, não entendeu os questionamentos da entidade e chegou a escutar que ela e Stopa deveriam ser mais agressivas nas provas. “Está um ponto de interrogação enorme, qual a conclusão que eles chegaram que não temos nível para competir um Mundial? Ele não tem parâmetro, pois pedi dispensa do Pan-Americano, pois estava me preparando para a temporada de 2009. Para ir e ser mais uma para fazer número, não iria. O parâmetro que temos é de um levantamento dos resultados das provas nacionais entre homens e mulheres, e indiscutivelmente a categoria feminina tem mais medalhas”, questionou.
-
Fonte: Webventure - http://www.webventure.com.br/bike
Link Origem: http://www.webventure.com.br/bike/conteudo/noticias/index/id/26537

Seleção brasileira de MTB chega à Austrália para o Mundial

- -_Sete atletas se preparam para a disputa do Campeonato Mundial de Mountain Bike, que acontece entre os dias 1 e 6 de setembro em Canberra, Austrália. Competidores e comissão técnica desembarcam nesta quinta-feira na cidade australiana para iniciar o trabalho de aclimatação antes da prova.
- -_Os atletas foram escolhidos de acordo com o índice técnico e pontuação no ranking nacional. São eles: Souza Cruz, Rubens Donizette e Ricardo Pscheidt na Elite Masculina; Sherman Trezza de Paiva e Henrique Avancini, ambos Sub-23; Frederico Nascimento Mariano no Junior e Markolf Berchtold no Downhill Masculino.
- -_O técnico da Equipe Mérida/ Cateye/ TMP Fernando Louro confia no bom desempenho dos atletas na competição. “Devemos lembrar que o trio: Rubinho, o Ricardo Pscheidt e o Vando representam o que há de melhor na Elite do MTB cross-country”, elogiou Louro. A comissão técnica será formada por Carlos Eduardo Polazzo (diretor técnico), Renato Martins(auxiliar técnico) e Eduardo Ramires (técnico), que competirá na França o Mundial da categoria Master antes de embarcar para a Austrália.
- -_Sem as mulheres - Por uma opção técnica de Eduardo Ramires, técnico da seleção nacional, decidiu não realizar a convocação das atletas da categoria feminina para a competição internacional. Érika Gramiscelli e Roberta Stopa, primeira e segunda do ranking nacional respectivamente, seriam convocadas, de acordo com os critérios adotados para o masculino.
-
Fonte: Webventure - http://www.zone.com.br/bike

Link Origem: http://www.zone.com.br/bike/conteudo/noticias/index/id/26562

Equipe de ciclismo de Alonso pode ter patrocínio Red Bull

- -_O piloto espanhol e a empresa austríaca podem formar parceria no mundo do ciclismo.
- -_De acordo com informações do site italiano Tuttobici, o piloto espanhol Fernando Alonso segue com planos de criar uma equipe de ciclismo.
- -_Enquanto prepara sua provável ida para a Ferrari, o bicampeão do mundo está se reunindo com empresas multinacionais.
- -_Uma das empresas que podem se tornar parceiras de Fernando Alonso é a Red Bull, que obteve um salto impressionante no automobilismo, e pensa em se juntar ao piloto em uma futura investida no ciclismo mundial.
-
Fonte: Prologo - http://prologo.uol.com.br
Link Origem: http://prologo.uol.com.br/scripts/materia/materia_det.asp?idMateria=3170

Cubano vence a 5ª etapa da Volta Ciclística

- -_Segundo lugar ficou com o português Sérgio Ribeiro. Já o brasileiro Bruno Silva ficou em terceiro.
- -_O cubano Michel Fernandez Garcia, de 26 anos, venceu a 5ª etapa da Volta Ciclística de São Paulo. Os ciclistas saíram de São Carlos às 7h de hoje, quarta-feira, e percorreram 99,5 quilômetros até a Praça Omilton Visconde, em Ribeirão Preto.
- -_Garcia correu pela equipe de São Caetano do Sul e fez a prova em 2h14min43seg. O segundo colocado foi o português Sérgio Ribeiro, que lidera a prova até o momento com três vitórias pela equipe portuguesa Barbot/Spiper/Azeita Vila Flor. O terceiro lugar ficou com o brasileiro Bruno Silva, da equipe de Pindamonhangaba.
-
Fonte: Jornal a Cidade - http://www.jornalacidade.com.br/editorias/esportes/
Link Origem: http://www.jornalacidade.com.br/editorias/esportes/2009/08/26/rp-cubano-vence-a-5a-etapa-da-volta-ciclistica.html

Danilo Di Luca, pego no antidoping fala em possível conspiração contra ele

- -_Danilo Di Luca também criticou os métodos utilizados nos testes da UCI.
-
- -_O ciclista italiano Danilo Di Luca, pego no antidoping depois da Volta da Itália, por uso da substância proibida eritropoietina (Cera), e especulou que possa estar sendo perseguido pela União Ciclística Internacional (UCI).
- -_- Não consigo explicar os dois testes positivos em Giro. Não descarto uma conspiração, mas antes de poder confirmar isso preciso ter certeza. Eu disse anteriormente que se minha contraprova desse positivo eu abandonaria o ciclismo, mas mudei de ideia e estou certo de que disputarei a Volta da Itália novamente – explicou.
- -_Não é a primeira vez que o italiano se mete em uma polêmica de doping. Durante a Volta da Itália de 2007, ele foi pego no exame e quase foi punido com dois anos de suspensão, mas o caso foi arquivado por falta de provas. No caso atual, Di Luca criticou o método dos testes que indicaram seu doping.
- -_- Meus advogados e eu temos sérias dúvidas quanto aos métodos utilizados nos testes de doping que deram positivo. Estes métodos já deram falsos positivos e acho que este é o caso comigo. Eu teria que ser um homem sem cérebro para usar Cera, que aparece no sangue e na urina por um mês – reclamou o ciclista.
-
Fonte: Globo Esporte - http://globoesporte.globo.com/Esportes
Link Origem: http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Mais_Esportes/0,,MUL1281074-16317,00-CICLISTA+ITALIANO+PEGO+NO+ANTIDOPING+FALA+EM+POSSIVEL+CONSPIRACAO+CONTRA+EL.html

Mais de oitenta atletas participaram da 10ª Volta Ciclística do Sul

- -_Oitenta e seis atletas participaram da 10ª Volta Ciclística do Sul, prova vá-lida pela 13ª etapa do Ranking Catarinense de ciclismo, disputada no fim de semana em Criciúma. O destaque da competição foi o gaúcho Cleiton Fadanelli, de Caxias do Sul, que conquistou o título geral da categoria elite, além de levar pela segunda vez seguida o troféu Leão da Montanha.
- -_A prova teve duas etapas. A primeira, no sábado, realizada num circuito de rua montado no bairro Brasília, teve como vencedor o ciclista Felipe Augusto, de Joinville, que fez o tempo de 40min423s. No domingo, os competidores largaram de Criciúma rumo à Serra do Rio do Rastro e, depois de um duelo metro a metro com Nelson Correia, Fadanelli levou a melhor no sprint final, completando o percurso de 76,6 quilômetros em 2h30min53.
- -_Na categoria júnior, o título ficou com o catarinense Eriken Luis Pasuc. A Sub-30 foi vencida por Laércio da Silveira, enquanto Fábio Nery venceu a máster A. Na máster B, Sedeur Wenceslau terminou em primeiro, assim como Marco Aurélio Alves na máster C. Na veteranos, Reinaldo Nelson foi o primeiro colocado e na juvenil deu Criciúma, com Maique Lourenço. Na categoria mountain bike, Ramiro Neves venceu a júnior e Valdecir Hamm, a máster.
-
Fonte: A Tribuna - http://www.atribunanet.com
Link Origem: http://www.atribunanet.com/home/site/ver/?id=98953

Sergio Ribeiro vence a 4a. Etapa do Tour do Brasil/Volta Ciclística de São Paulo.

- -_Portugal se mantém no topo do Tour do Brasil/Volta Ciclística de São Paulo. Nesta terça-feira, os ciclistas da equipe lusitana Barbot/Siper/Azeite Vila Flor dominaram a quarta etapa, entre Atibaia e São Carlos, a mais longa de todas com 247 quilômetros, aumentando ainda mais a vantagem na competição.
- -_O líder Sérgio Ribeiro, natural da cidade de Porto chegou à segunda vitória consecutiva, completando o trecho com o tempo de 5h42min24seg, média de 41,9 km/h. A segunda colocação ficou com o brasileiro Tiago Fiorilli, da Flying Horse/Caloi/Unilance, um segundo atrás do vencedor, com o tempo de 5h42min25seg, enquanto outro português, Bruno Pires, completou o pódio, com 5h42min27seg.
- Foi uma etapa muito desgastante, mas a equipe assumiu a responsabilidade de ser líder e se impôs. No final, quando as demais equipes tentaram marcar, conseguimos reagir e ainda vencer. Estão todos de parabéns - comemorou Sérgio, de 28 anos, 22 deles dedicados ao ciclismo.
- -_Encerrada a quarta etapa, a liderança no individual continua nas mãos de Sérgio Ribeiro, com 10h19min48seg, seguido por seu compatriota Bruno Pires, 10h20min02, e o brasileiro Magno Nazaret, da Fapi Funvic/Sundown/JKS, de Pindamonhangaba, com 10h20min14seg. Entre as equipes, a Barbot/Siper/Azeite Vila Flor segue na frente e soma agora 31h01min22seg, seguida por Scott/ Marcondes Cesar/São José dos Campos, 31h02min34seg, e Fapi Funvic/Sundown, com 31h04min44seg.
- -_A quinta etapa, entre São Carlos e Ribeirão Preto, contará com um percurso de "apenas" 99,5 quilômetros. A largada será às 6h50, na Avenida São Carlos.
-
Confira o resultado da quarta etapa:
-
1º Sergio Ribeiro POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugual) - 05h42'24"
2º Tiago Fiorilli BRA (Flying Horse/Caloi/Unilance) - 05h42'25"
3º Bruno Pires POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugual) - 05h42'27"177
4º Magno Nazaret BRA (Fapi Funvic/Sundown/JKS/Pindamonhangaba) - 05h42'27"429
5º Maurício Morandi BRA (Scott/Marcondes Cesar/S.J.Campos) - 05h42'32"
6º Nestor Torres URU (Alfameq/Kenda/DKS/N.Caixa/S.B.Campo) - 05h42'50"599
7º Antonio Amorim POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugual) - 05h42'50"783
8º José Rodrigues Filho BRA (Altolim/Assis/Amea) ? 05h42'51"
9º Darwin Urrea VEN (Acme/Zero Graviti) - 05h42'52"093
10º Matias Medici ARG (Scott/Marcondes Cesar/S.J.Campos) - 05h42'52"344
11º Alex Diniz BRA (Fapi Funvic/Sundown/JKS/Pindamonhangaba) - 05h42'52"552
12º Bruno Castanheira POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugual) - 05h42'53"
13º David Bernabeu POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugual) - 05h42'54"149
14º Gregory Panizo BRA (DataRo/SEL Cordeirópolis) ? 05h42'54"188
15º Flavio Santos BRA (Fapi Funvic/Sundown/JKS/Pindamonhangaba) - 05h42'54"987

Classificação geral (acumulado por atleta):
1º Sergio Ribeiro POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugual) - 10h19'48"
2º Bruno Pires POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugual) - 10h20'02"
3º Magno Nazaret BRA (Fapi Funvic/Sundown/JKS/Pindamonhangaba) - 10h20'14"
4º Tiago Fiorilli BRA (Flying Horse/Caloi/Unilance) - 10h20'26"
5º Maurício Morandi BRA (Scott/Marcondes Cesar/S.J.Campos) - 10h20'30"
6º Gregory Panizo BRA (DataRo/SEL Cordeirópolis) ? 10h20'45"
7º Nestor Torres URU (Alfameq/Kenda/DKS/N.Caixa/S.B.Campo) - 10h20'50"
8º Antonio Amorim POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugual) - 10h20'57"
9º Luiz Tavares BRA (Scott/Marcondes Cesar/S.J.Campos) - 10h21'01"
10º Darwin Urrea VEN (Acme/Zero Graviti) - 10h21'02"

-
Fonte: O Globo - http://oglobo.globo.com/esportes
Link Origem: http://oglobo.globo.com/esportes/mat/2009/08/25/lusitanos-bons-de-roda-dominam-volta-ciclistica-de-sao-paulo-767316137.asp

Fim de semana positivo para ciclismo de Criciúma

- -_A Manchester Química/FME Criciúma/Bike Point/Domus Telhas teve mais um fim de semana de bons resultados: a equipe marcou presença em três provas em diferentes estados e alcançou o primeiro lugar nas três. Na Volta Ciclística do Sul, Maique Lourenço venceu as duas etapas na categoria juvenil. A competição, válida pela 13ª etapa do ranking catarinense de ciclismo, finalizou com a difícil escalada da Serra do Rio do Rastro.
- -_Na cidade de Estrela, no Rio Grande do Sul, a equipe levou quatro pilotos para disputar a Copa Brasil de BMX e o favorito ao título, Nelso Schineider, venceu a categoria até 16 anos. Os outros criciumenses chegaram às finais. Em Congonhas, Minas Gerais, o atleta Luiz Henrique Cocuzzi venceu a última etapa e sagrou-se campeão invicto da Copa Internacional de Mountain Bike.
- -_"Nos últimos anos, o ciclismo vem tomando proporções muitos significativas. Não era de costume uma equipe ter três compromissos no mesmo um fim de semana, mas temos que nos adaptar às novas tendências", diz o técnico Gustavo Freitas.
-
Fonte: Jornal a Tribuna - http://www.atribunanet.com
Link Origem: http://www.atribunanet.com/home/site/ver/?id=98851

São Carlos fecha a 4ª e mais longa etapa da Volta Ciclística

- -_São Carlos recebe nesta terça-feira (25) a 4ª e mais longa etapa da Volta Ciclística de São Paulo, que percorre quase 1,3 mil km em nove dias. Entre Atibaia, local da largada às 6h50, e São Carlos, serão 247 quilômetros de pedaladas, com previsão de cinco horas de prova.Ao chegarem em São Carlos, os ciclistas chegam pela rodovia Washington Luís, depois acessam a avenida Getúlio Vargas, para na sequência, a avenida São Carlos até a praça Coronel Salles.
- -_Nesta segunda-feira (24) os ciclistas chegaram a Atibaia, após deixarem São José dos Campos, no Vale do Paraíba. A vitória foi da equipe portuguesa Barbot/Spiper/Azeite Vila Flor. Os portugueses ficaram com sete dos oito atletas entre os 20 primeiros colocados. O vencedor individual foi Sérgio Ribeiro.
- -_Após três etapas a liderança individual é de Sérgio Ribeiro, com 4h37min34seg, seguido por Bruno Pires, 4h37min41, e Magno Nazaret, 4h37min47seg. Por equipes, a primeira colocação está com a Barbot/Siper/Azeite Vila Flor (POR), 13h53min41seg, vindo em segundo a Scott/Marcondes Cesar/São José dos Campos, 13h54min07seg, seguido de Fapi/Funvic/Sundown/JKS/Pindamonhangaba, com 13h56min37seg. Vale lembrar que o EPTV.COM terá as informações sobre a passagem da competição pela região.
-
Resultados da terceira etapa
1º Sérgio Ribeiro POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugal) - 02h26'13''393
2º Bruno Pires POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugal) - 02h26'13''744
3º Magno Nazaret BRA (Fapi Funvic/Sundown/JKS/Pindamonhangaba) - 02h26'17''
4º Luiz Tavares BRA (Scott/Marcondes Cesar/S.J.Campos) - 02h26'22''
5º Gregory Panizo BRA (DataRo/SEL Cordeirópolis) – 02h26'23''
6º Maurício Morandi BRA (Scott/Marcondes Cesar/S.J.Campos) - 02h26'24''
7º Nestor Torres URU (Alfameq/Kenda/DKS/N.Caixa/S.B.Campo) - 02h26'26''
8º Bruno Silva BRA (São Lucas Saúde/U.A.C./Americana) - 02h26'32''
9º Antonio Amorim POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugal) - 02h26'33''052
10º Tiago Fiorilli BRA (Flying Horse/Caloi/Unilance) - 02h26'33''480
11º John Ebsen DEN (Polidesportivo Sketchers/Trek) - 02h26'33''993
12º Ricardo Ortiz BRA (Padaria Real/Céu Azul Alim./Cannondalle/Sorocaba) - 02h26'35''
13º Matias Medici ARG (Scott/Marcondes Cesar/S.J.Campos) - 02h26'39''
14º Darwin Urrea VEN (Acme/Zero Graviti) - 02h26'40''
15º Bruno Castanheira POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugal) - 02h26'45''
-
Acumulado por atleta
-
1º Sérgio Ribeiro POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugal) - 04h37'34''
2º Bruno Pires POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugal) - 04h37'41''
3º Magno Nazaret BRA (Fapi Funvic/Sundown/JKS/Pindamonhangaba) - 04h37'47''
4º Gregory Panizo BRA (DataRo/SEL Cordeirópolis) – 04h37'55''
5º Luiz Tavares BRA (Scott/Marcondes Cesar/S.J.Campos) - 04h37'56''
6º Maurício Morandi BRA (Scott/Marcondes Cesar/S.J.Campos) - 04h37'58''
7º Nestor Torres URU (Alfameq/Kenda/DKS/N.Caixa/S.B.Campo) - 04h38'00''
8º Bruno Silva BRA (São Lucas Saúde/U.A.C./Americana) - 04h38'06''
9º Antonio Amorim POR (Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugal) - 04h38'07''
10º Tiago Fiorilli BRA (Flying Horse/Caloi/Unilance) - 04h38'07''
-
Fonte: Glogo EPTV - http://eptv.globo.com/esportes
Link Origem: http://eptv.globo.com/esportes/esportes_interna.aspx?268717

Portugueses escapam e garantem a vitória na 3ª etapa da Volta de São Paulo

- -_Em duas etapas individuais na Volta de São Paulo 2009, duas vitórias para ciclistas estrangeiros. Nesta segunda-feira, foi disputado o terceiro percurso da competição e foi o português Sérgio Ribeiro quem cruzou a linha de chegada na frente, em dobradinha para o time de seu país.
- -_O trecho de 113 km foi de São José dos Campos para Atibaia, na segunda prova individual da Volta, já que a abertura foi com um contrarrelógio por equipes - a segunda etapa foi vencida pelo uruguaio Hector Figueiras. Ribeiro terminou o trajeto em 2h26min13s (média de 41,9 km/h), seguido de perto pelo companheiro Bruno Pires, da equipe portuguesa Barbot/Siper/Vila Flor.
- -_Fechando o pódio, o brasileiro Magno Nazaret, da Fapi Funvic/Sundown/JKS, de Pindamonhangaba, fechou os 113 km em 2h26min17s.
- -_"A equipe veio bem preparada e com grandes pretensões nesta competição", disse Ribeiro, que viu sua equipe dominar nos trechos montanhosos, a ponto de abrir boa distância para a chegada. "Nesta etapa, fizemos um planejamento técnico para que todos chegassem bem ao final e pudessem brigar pela vitória. Acompanhei Bruno, um excelente montanhista, e pude fechar em primeiro. Nosso desempenho mostrou que não viemos aqui para passear, como muitos disseram".
Com o resultado e um total de 4h37min34s, é o próprio Sérgio Ribeiro que lidera a classificação da Volta de São Paulo, que vai até domingo, com chegada em São Paulo. O segundo colocado é o compatriota Bruno Pires. Magno Nazaret vem em terceiro.
- -_A quarta etapa da Volta de São Paulo acontece na terça-feira, sendo que ela apresenta o percurso mais longo desta temporada. Os ciclistas percorrerão 247 km, saindo de Atibaia em direção a São Carlos. A previsão é de que sejam cinco horas de pedaladas, com a partida às 6h50.
-
Fonte: UOL Esportes - http://esporte.uol.com.br/ciclismo
Link Origem: http://esporte.uol.com.br/ciclismo/ultimas/2009/08/24/ult4360u764.jhtm

Após Volta da França, Contador adia retorno ao ciclismo

- -_Cheio de dúvidas quanto a uma eventual renovação de seu contrato com a Astana, Alberto Contador não voltará às atividades no próximo domingo no Grande Prêmio de Plouay como estava previsto. O espanhol alegou um resfriado para desistir da competição.
- -_"Não queria reaparecer depois da Volta da França se possibilidades de realizar um papel digno", disse Contador, que não compete desde 26 de julho, dia da última etapa da tradicional prova vencida por ele.
- -_Atualmente, ele está envolvido em uma polêmica com a Astana, time com o qual não pretende renovar o contrato apesar da proposta milionária que recebeu. O espanhol, porém, negou que isso tenha influenciado em sua decisão de desistir do GP de Plouay. "Agora tirarei minhas verdadeiras férias e a seguir correrei na Bélgica em 6 de setembro", apontou.
-
Fonte: Abril Esportes - http://www.abril.com.br/noticias/esportes
Link Origem: http://www.abril.com.br/noticias/esportes/volta-franca-contador-adia-retorno-ao-ciclismo-499592.shtml

Caloi tem novidades em mountain bikes de performance

- -_Mantendo o compromisso de entregar bikes de alta qualidade, design inovador, alta perfomance e tecnologia, a Caloi – empresa brasileira líder no mercado de bicicletas – traz novidades para a família Elite, linha de mountain bike de perfomance.
- -_“A Caloi busca sempre novas tecnologias para inovar e criar cada vez mais bicicletas adequadas às necessidades do ciclista. E a família Elite, reconhecida por sua alta performance, ganha design arrojado, novas tecnologias e novos modelos – a Caloi Elite 2.8 e a Caloi Elite 2.7 feminina.”, explica Juliana Grossi, diretora de Marketing da Caloi.
Caloi Elite 2.1 - Com suspensão dianteira RST Capa e câmbio Shimano Altus, a Elite 2.1 é a bike dos ciclistas iniciantes em trilhas moderadas, mas que buscam alto desempenho em treinos e a qualidade Caloi. Preço: R$ 1.399,00.
Caloi Elite 2.4 - Supera as expectativas dos ciclistas que procuram uma bike de alta performance para treinos ou trilhas de final de semana. É equipada com conjunto de câmbio Shimano Acera e suspensão RST Capa.Preço: R$ 1.699,00.
Caloi Elite 2.7 SW - Com itens exclusivos femininos, a Elite 2.7 SW é uma bike de alta performance, perfeita para as ciclistas exigentes que buscam uma bicicleta para encarar as trilhas mais pesadas. O quadro da bike é de alumínio tratado liga 7005 com tecnologia Super Plastic Forming, que permite que os tubos sejam moldados e fiquem mais leves e resistentes, 100% Shimano Deore, o selim é de gel e o garfo tem suspensão dianteira. A Caloi é a primeira fabricante nacional a trazer um produto de performance com características específicas para o público feminino.. Preço: R$ 2.599,00.
Caloi Elite 2.7 - A Caloi Elite 2.7 traz novo quadro em alumínio tratado liga 7005 com tecnologia Super Plastic Forming, que permite que os tubos sejam moldados e fiquem mais leves e resistentes. Possui também suspensão DART 2 e conjunto 100% Shimano Deore com Octalink. Uma bike de alta performance, sob medida para ciclistas que buscam uma bicicleta para encarar trilhas pesadas.Preço: R$ 2.599,00.
Caloi Elite 2.8 - A Linha Caloi Elite ganha mais um modelo. A Elite 2.8 vem para completar essa família de bikes de alta performance. Com novo quadro tratado liga 7005 com tecnologia Super Plastic Forming, que permite que os tubos sejam moldados e fiquem mais leves e resistentes. Possui também, suspensão dianteira Tora SL 100 mm remote com trava no guidão e câmbio traseiro Shimano Deore XT, a Elite 2.8 foi desenvolvida para os ciclistas mais exigentes e para qualquer tipo de terreno. Preço: R$ 2.999,00.
- -_Perfil: A Caloi é uma empresa brasileira com 110 anos, líder de mercado, responsável pela comercialização de mais de 650 mil bicicletas por ano. Possui duas unidades fabris, uma em Atibaia, SP, e outra em Manaus, AM. Gera 600 empregos diretos e mais 400 temporários, na alta estação. A Caloi estimula e apoia crianças e adultos na busca de uma vida saudável por meio da atividade física.. [SAC 0800 – 701 8022 \ www.caloi.com ].
-
Fonte: Revista Fator - http://www.revistafator.com.br
Link Origem: http://www.revistafator.com.br/ver_noticia.php?not=87703

DATARO está preparada para disputar a Volta de São Paulo.

- -_A equipe de ciclismo paranaense Dataro/Unilance/Cordeirópolis, que neste ano está competindo pela cidade de Cordeirópolis, interior de São Paulo, está cumprindo seus últimos preparativos para participar do Tour do Brasil/Volta Ciclística de São Paulo que inicia no próximo dia 22 de agosto (sábado).
- -_A equipe retornou esta semana da Volta do Rio de Janeiro, com o quinto lugar no individual, com o atleta Carlos França e também o quinto lugar na geral por equipes. O objetivo principal na prova paulista é a defesa do título individual de Gregori Panizo, vencedor da edição da prova em 2008.
- -_Segundo o técnico da equipe, Hernandez Quadri Júnior, toda a preparação da Dataro/Unilance/Cordeirópolis está sendo feita visando a Volta, “participamos no Rio com o objetivo de preparação para correr em São Paulo. Nosso propósito é a conquista do titulo na individual e na geral por equipes”, disse Quadri Júnior.
- -_Gregori Panizo será o principal corredor da equipe, de acordo com Hernandez, todo o trabalho inicial do seu time será visando a vitória do campeão da Volta de 2008, “até mesmo o seu treinamento individual está sendo ministrado para alcançar o auge durante a Volta de São Paulo. Ele já está recuperado de algumas cirurgias e o ápice da forma será agora”, afirmou.
- -_Para Hernandez, a Equipe Dataro/Unilance/Cordeirópolis diferentemente da Volta do Rio, terá vantagens na competição em São Paulo. Segundo técnico, o desempenho na prova carioca não foi bom, pois a equipe não prioriza os velocistas em sua formação, já no Tour do Brasil, as etapas serão mais longas e com algumas montanhas no trajeto, “no Rio as etapas eram mais planas. A competição em São Paulo será muito mais dura e nós estamos preparados para isso”.
- -_"A Volta de São Paulo que é promovida pela Rede Globo de Comunicação e organizada pelo Yescom Entretenimento, Esportes e Comunicação é a principal prova do Brasil devido a visibilidade que proporciona aos atletas e equipes", diz Hernandez.
- -_Para ele, exposição na mídia valoriza o esporte que cresce em visibilidade, “nós precisamos disso, mais cobertura e provas bem organizadas. Desse jeito criamos platéia e o surgimento de novos atletas e empresas dispostas a investir no ciclismo”, declarou Quadri.
- -_A competição, programada para o período de 22 a 30 de agosto, contará pontos para o ranking da União Ciclística Internacional (UCI) e será mostrada para todo o país pela Rede Globo, SporTV e Globo Internacional.
- -_A equipe paranaense Dataro/Unilance/Cordeirópolis é formada quase 100% por atletas do Paraná, exceto o paraibano Carlos França, os sete ciclistas do time são naturais de cidades paranaenses. Alex Arseno e Daison Mendes são de Curitiba, Sidinei Silva de Foz do Iguaçu, Renato dos Santos de 4º Centenário, Gregori Panizo e Eduardo Salles de Maringá e Cristian Egídio da Rosa de Paranavaí.
- -_A disputa contará, mais uma vez, com as principais equipes do país e representantes do exterior, totalizando 21 times. A atração deste ano está justamente nos países participantes, com a presença de nada menos que três continentes: América, Europa e Oceania. O trajeto é nas principais estradas do interior paulista e totalizando 1289,4 quilômetros, divididos por nove etapas.
- -_A largada será no dia 22, com um contra-relógio e um evento promocional na Ponte Estaiada, em São Paulo.
-
Fonte: O Gregário BLOG - http://www.clicrbs.com.br/blog
Link Origem: http://www.clicrbs.com.br/blog/jsp/default.jsp?source=DYNAMIC,blog.BlogDataServer,getBlog&uf=2&local=18&template=3948.dwt§ion=Blogs&post=216305&blog=664&coldir=1&topo=3994.dwt

Infraestrutura garante sucesso do Tour do Brasil-Volta Ciclística de São Paulo

- -_Durante o período de 22 a 30 de agosto, o Tour do Brasil-Volta Ciclística de São Paulo reunirá o que há de melhor no ciclismo nacional e destaques da modalidade de outros seis países, constituindo-se no principal evento do calendário nacional.
- -_Mas para que o sucesso deste evento se confirme, uma estrutura profissional é montada para atender a todos no evento. A Yescom, promotora da competição, a Confederação Brasileira de Ciclismo e a Federação Paulista de Ciclismo estão por trás de toda a logística deste evento, garantindo todos os detalhes necessários para que tudo corra bem.
- -_Vale lembrar que a Rede Globo e o canal Sportv mostrarão a competição para todo o país, enquanto a Globo Internacional distribuirá para mais de 59 países em todo o mundo.
- -_Os números do Tour do Brasil impressionam. A começar pelos mais 1200 quilômetros de percurso entre as etapas, dos mais de 70 municípios que estão espalhados em seu roteiro pelas estradas paulistas, consideradas as melhores do país.
- -_Por falar em estradas, serão nada menos que 15 rodovias estaduais: Rodovia Ayrton Senna - SP 070, Rodovia Carvalho Pinto - SP 070, Rodovia dos Tamoios - SP 099, Rodovia Dom Pedro I - SP 065, Rodovia José Roberto Magalhães Teixeira - SP 083, Rodovia Anhanguera - SP 330, Rodovia Santos Dumont - SP 075; Rodovia dos Bandeirantes - SP 348, Rodovia Washington Luiz - SP 310; Rodovia Antonio Machado Santanna - SP 225, Rodovia Prefeito Antonio Duarte Nogueira - SP 312, Rodovia Com. João Ribeiro de Barros - SP 255, Rodovia Marechal Rondon - SP 300, Rodovia Senador José Ermírio de Moraes - SP 075, Rodovia Eng. Herculano de Godoy Passos - SP 102
- -_A caravana contará com 400 pessoas, sendo 160 atletas profissionais, 80 dirigentes e 160 de pessoal de organização, incluindo 40 pessoas da equipe médica, 40 policiais militares, distribuídos em 60 veículos devidamente credenciados para o grupo. A cada etapa, o número de envolvidos na competição sobe graças ao pessoal de suporte em cada uma das cidades-sedes e dos órgãos de segurança dos municípios.
- -_Serão utilizados mil metros de grades, nos áreas de chegada e largada, para garantir a segurança dos ciclistas e também do público presente em todas as cidades. E quando a sede apertar, basta pegar um dos 100 mil copos de água mineral que estarão à disposição de competidores.
-
Fonte: Final Sports - http://www.finalsports.com.br
Link Origem: http://www.finalsports.com.br/03/comando/headline.php?n_id=111100&u=0

10ª Volta Ciclística do Sul percorrerá seis municípios de SC

- -_A 10ª Volta Ciclística do Sul será realizada nos dia 22 e 23 de agosto em Criciúma. A prova será dividida em duas etapas: No sábado dia 22, os ciclistas percorrerão um circuito montado no perímetro Urbano no Bairro Brasília localizado no maior barro de Criciúma Grande Próspera.
- -_Já no Domingo o percurso será de 76.6 Km, com a saída defronte a Ford Forauto na Grade Prospera e a chegada será no alto da Serra do Rio do Rastro. Segundo o coordenador do evento, Eduardo Schaucoski, da Associação Sul de Ciclismo e comissário da Federação Catarinense de Ciclismo, a prova contará com os atletas do Rio do Grande do Sul, Santa Catarina e o Paraná, será uma das competições mais dura do estado de Santa Catarina, onde os atletas necessitarão de muita resistência física além de suporta a possível baixa temperatura na escalada da Serra do Rio do Rastro.
- -_Schaucoski diz que "A Volta do Sul de Ciclismo, que já é realizada há 9 anos na região, nasceu para ficar, como um dos eventos mais importante do sul de Santa Catarina no contexto do esporte radical.
- -_Nesta edição da Volta do Sul, os maiores obstáculos serão as montanhas. A primeira etapa será um esquenta para os ciclistas em um circuito de rua no sábado. A altitude não fará a diferença, mas sim a velocidade. No domingo a história será outra: os ciclistas irão percorrer um trajeto bem diferente, largando na Grande Próspera, passando pela Avenida Centenário, rua Leonardo Bialesk, Anel Viário, centro da cidade de Cocal do Sul, Urussanga, Orleans e Lauro Muller, chegando no Mirante da Serra do Rio do Rastro, onde um dos fatores predominantes poderá ser o frio,de 4ºC a 15ºC.
- -_“Temos toda a estrutura pra prova, que contará com o total a apoio da Prefeitura municipal , além das Polícias Militar e Rodoviária de Santa Catarina, da CriciumaTrans e do Corpo de Bombeiros de Criciúma e Vida Terretre.

Maringaenses vencem em Londrina

- -_Ciclistas maringaenses tiveram boas colocações na Copa Vzan Internacional de Mountain Bike que foi disputada no último domingo em Londrina. Participaram mais de 350 ciclistas de todo o Brasil e a competição valeu pontos para o Ranking da União Ciclística Internacional (UCI) e para o Ranking Brasileiro e Paranaense de Mountain Bike.
- -_O percurso foi de 58 quilômetros pelas estradas rurais de Londrina. “Eu tive problemas logo no começo da prova com o pneu traseiro da bicicleta que furou, mas consegui trocar e venci”, comentou o ciclista Carlos Martinelli que foi o campeão na categoria Master (entre 35 e 39 anos). Ele venceu sua prova com o tempo 1h48min14seg.
- -_Martinelli faz parte do Clube Maringaense de Ciclismo e estava confiante por um bom resultado em Londrina, pois já foi campeão brasileiro no ano passado neste tipo de prova.
- -_Além de Martinelli, também tiveram boa colocação os maringaenses Carlos Eduardo Schwabe, que foi campeão na categoria 45 a 49 anos, e Jéssica de Mattos Andriatto, que ficou em segundo lugar na categoria Open Feminino, entre outros.
- -_A Copa Vzan Internacional de Mountain Bike estava agendada para ser realizada em Minas Gerais, mas os organizadores desistiram. Para não perder a data no calendário brasileiro, a Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) trouxe a prova para o Paraná.
- -_Carlos Martinelli explica que a CBC fechou recentemente um patrocínio como Banco do Brasil e tem no planejamento incentivar o ciclismo em outras regiões brasileiras. A estimativa do setor é que três competições valendo pontos no ranking da UCI sejam realizadas no Paraná no próximo ano.
- -_Com isso, os ciclistas brasileiros não precisariam viajar tanto para o exterior para pontuar visando participar de competições internacionais, como as Olimpíadas.
-
Fonte: O Diário de Maringa - http://www.odiariomaringa.com.br
Link Origem: http://www.odiariomaringa.com.br/noticia/223889

Pelo Twitter, Lance Armstrong convida fans para um passeio de bike.

- -_Lance Armstrong foi o responsável por um evento inusitado na Escócia. O ciclista escreveu em seu Twitter convidando os seus seguidores escoceses para uma "pedalada":
- -_"Olá Glasgow, Escócia! Eu estou chegando, quem quer sair para uma passeio de bicicleta?", ele escreveu.
- -_Mais de duzentas pessoas saíram na garoa quando o heptacampeão da Volta da França apareceu em Paisley, um distrto de Glasgow.
- -_É uma chance de conhecer muitas pessoas - disse Armstrong, que está na Grã-Bretanha para assistir ao show da banda irlandesa U2,que tocará no Hampden Park esta noite.
- -_O ex-campeão mundial Graeme Obree se juntou a Armstrong em seu passeio de bicicleta:
- É fantástico, meus amigos ficarão com inveja - brincou Obree, recordista mundial em 1993 e 1994.
- -_Muitos ciclistas amadores também se juntaram ao ciclista. Entre eles, uma enfermeira de 44 anos, Julie Watson, que foi ciclista por dez anos:
- É um pouco fora do comum - ela disse - É como um sonho. É uma chance única na vida pedalar com o seu ídolo. Ele é uma inspiração para mim desde quando adoeceu com câncer anos atrás.
- -_Após o passeio, Armstrong escreveu em seu Twitter:"Obrigado a todos que estiveram em Paisley! Eu esperava no máximo uma dúzia de pessoas, mas apareceream mais de cem! Incrível!
- -_Armstrong declarou aos repórteres que disputará a Volta da França no ano que vem. Após três anos afastado da competição, Armstrong acabou em terceiro na edição deste ano, vencida pelo seu companheiro na equipe Astana, o espanhol Alberto Contador.
-
Fonte: O Globo - http://oglobo.globo.com/esportes
Link Origem: http://oglobo.globo.com/esportes/mat/2009/08/18/ciclismo-pelo-twitter-armstrong-convida-fas-para-um-passeio-de-bicicleta-757459217.asp

Equipes estrangeiras prontas para o Tour do Brasil/Volta Ciclística de São Paulo

- -_Em suas cinco edições realizadas, o Tour do Brasil tem sido dominado pelas equipes brasileiras. Foram cinco títulos e a mesma quantia por equipes na competição, confirmando a hegemonia do ciclismo brasileiro no principal evento do calendário nacional. Neste ano, seis equipes estrangeiras estão confirmadas e tentarão derrubar esta escrita. São elas a neozelandesa Cicloravena/Instituto P+A, a alemã Demag Racing Team, a portuguesa Barbot/Siper/Azeite Vila Flor, a argentina Acme/Zero Graviti, a chilena Polidesportivo Sketchers/Trek, e a Club Copsa do Uruguay. Estas se juntarão a outras 15 equipes nacionais na briga pelo título de 2009.
- -_A programação do Tour do Brasil começa no dia 22, com a disputa do Contra-Relógio por equipes em São Paulo, e segue até o dia 30, totalizando 1289,4 quilômetros pelas estradas paulistas, passando por mais de 70 municípios. A competição terá nove etapas, com sedes nas cidades de São Paulo, São José dos Campos, Atibaia, São Carlos, Ribeirão Preto, Bauru, Sorocaba, Campinas e Jundiaí. O evento terá transmissão para todo o país pela Rede Globo e Canal SporTV, e para o exterior pela Globo Internacional.
- -_A presença de equipes da Europa e Oceania dará uma nova condição ao Tour do Brasil, com escolas diferentes e que contribuirão para o intercâmbio com os brasileiros. A Demag Racing Team terá um grupo jovem, mas já acostumado às competições fortes. Os ciclistas confirmados são Oliver Hack, Lucas Adrion, Martin Gaber, Cristoph Hench, Rainer Rettner e Felix Fuchs. O outro representante europeu, o Barbot/Siper/Azeite Vila Flor, terá oito atletas, todos com participações em eventos fortes, como a Volta de Portugal. São eles Antonio Amorim, Bruno Castanheira, Bruno Pires, Carlos Pinho, David Bernabeu, Helder Oliveira, Sérgio Ribeiro e Bruno Pinto.
- -_O time da Nova Zelândia mescla atletas novatos e experientes, alguns com participações em eventos nos Estados Unidos e Inglaterra. Os destaques são Andrew Barlow, campeão nacional e continental, Karl Moore, campeão em Monza em 2001 e campeão nacional Sub 23 em 99, e Scott Lyttle, campeão do GP Buxerolles, Copa da França, sendo o sétimo ciclista do ranking da França no ano passado. Completam a relação de atletas Leonardo Pineda, Shane Melrose, Joseph Chapmann, James Gibson e Logan Mort.
-
Fonte: Final Sports - http://www.finalsports.com.br
Link Origem: http://www.finalsports.com.br/03/comando/headline.php?n_id=111035&u=0%5C

Rubens Valeriano e Janildes Fernandes vencem Copa de Mountain Bike

- -_Os ciclistas Rubens Valeriano e Janildes Fernandes ficaram com a vitória na Copa Internacional de Mountain Bike, disputada neste fim de semana em Londrina, no Norte do Paraná. A competição reuniu 350 atletas em 14 categorias na pista montada na Associação Cultural e Esportiva (ACEL). Valeriano percorreu os 58 quilômetros com o tempo de 1h39min18s, enquanto Janildes marcou 2h05min43s.
- -_“Prova foi muito boa e de ótima organização. O percurso teve pontos de alta dificuldade, como algumas subidas. A disputa também contou com corredores de alto nível. Porém, o que mais dificultou foi a alta temperatura e o clima muito seco, mas com uma hidratação reforçada deu para manter um ritmo bom de prova”, disse Valeriano após a prova. Edvando Cruz foi o segundo e Odair Oliveira ficou em terceiro.
- -_Entre as mulheres Janildes Fernandes foi seguida de Erika Gramiscelli e de Julyana Rodrigues. A prova de mountain bike em solo paranaense ajudou os ciclistas do país a somarem pontos para o ranking da União Internacional de Ciclismo (UCI).
- -_“Sem dúvida, será mais uma opção para nossos atletas conseguirem pontos na UCI sem precisar sair do país”, comentou o presidente da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC), José Luiz Vasconcelos.
-
Fonte: Gazeta do Povo - http://portal.rpc.com.br/gazetadopovo/esportes/
Link Origem: http://portal.rpc.com.br/gazetadopovo/esportes/conteudo.phtml?tl=1&id=915662&tit=Rubens-Valeriano-e-Janildes-Fernandes-vencem-Copa-de-Mountain-Bike

Ciclista Luciano Pagliarini reforça a Memorial/Santos

- -_Luciano Pagliarini é o mais novo reforço da equipe de ciclismo da Memorial/Prefeitura de Santos/Giant/Nossa Caia. Aos 31 anos e depois de uma década na Europa, o maior nome do ciclismo nacional dos últimos tempos volta a morar e a treinar no País.
- -_E para o seu retorno, o atleta, entre tantos convites, optou por defender a equipe Memorial, atual campeã nacional de pista e estrada masculino e que em 2009 lidera os rankings femininos de estrada por equipes e individual, com Aline Paroliz.
- -_Pagliarini será apresentado como novo reforço da Memorial na quinta-feira, em coquetel que será realizado a partir das 20 horas, no Espaço Cultural Tremendão, na Rua Brás Cubas, 404, Vila Mathias (Santos).
- -_O ciclista passa a ser peça central do projeto olímpico brasileiro para as provas de pista, visando os Jogos de Londres, em 2012. A seleção brasileira é dirigida por Cláudio Diegues, também técnico da Memorial.
- -_A carreira
- -_O primeiro contato de Luciano Pagliarini com uma bicicleta aconteceu quando o ciclista tinha três anos. Desde então o paranaense não largou mais a magrela. Nem mesmo as mudanças constantes de cidade, em virtude do emprego do pai, fizeram com que ele abandonasse o sonho de ser um profissional do esporte.
- -_E o profissionalismo chegou cedo. Com 17 anos, Pagliarini já era contratado da Caloi, uma das principais equipes brasileiras. Os bons resultados fizeram com que ele recebesse um convite para competir na Itália. Superado o impacto inicial, o brasileiro conseguiu destaque.
- -_Em fevereiro de 2003 participou pela primeira vez da Volta da Malásia e venceu três etapas no sprint final. No mês seguinte, venceu a Clássica de Almeria, na Espanha, e tornou-se o atleta mais vitorioso do início da temporada.
- -_Curiosidades
- -_Aos 26 anos, chegou à Olimpíada de Atenas como o principal nome do ciclismo brasileiro. O status, no entanto, não foi o suficiente para evitar que Pagliarini deixasse a Grécia chateado.
- -_O brasileiro teve um pneu furado durante a prova e acabou abandonando depois de perder muito tempo para consertar a bicicleta. "Demoraram uns 40 segundos para trocar o pneu. No ciclismo isso é muito tempo", recorda.
- -_A falta de sorte não abandonou o paranaense quatro anos depois na China. Poucos dias antes da prova de estrada da Olimpíada de Pequim, Pagliarini sentiu dores e foi diagnosticada uma pedra no rim esquerdo. O jeito foi adaptar o selim arrancando um pedaço do assento para aliviar o contato com a região dolorida.
- -_Com a improvisação, o ciclista conseguiu terminar a prova. Apesar dos percalços enfrentados nas duas ocasiões, Pagliarini não desiste e promete muito trabalho para a realização de um novo grande ciclo olímpico.
-
Fonte: Tribuna Digital - http://atribunadigital.globo.com
Link Origem: http://atribunadigital.globo.com/bn_conteudo.asp?cod=428473&opr=454

Prova de MTB em Itararé - É Neste Domingo

Por Sandro Azevedo
Galera !
- -_Segue abaixo o post do Secretário de Turismo de Itararé, Renato Antunes, onde ele nos passa as últimas informações sobre a Prova de MTB que será realizada em Itararé neste domingo 16 de agosto.
-
- -_“Neste final de semana foi visto o trecho para a 4ª etapa de regularidade e para a 1ª Enduro MTB de Itararé. Para a prova de regularidade fechou nos 45 kilometros, e a prova da corrida (enduro) fechou em 24 kms, passando pela area de reflorestamento da empresa Conpacel (RIPASA) e já está autorizada, e terá o acompanhamento de grupo de apoio para a realização da prova, o percurso para a corrida foi considerado leve, por isso espero contar com a participação dos bikers de Itararé, então essa prova será muito disputada, tanto pelas pessoas que estarão vindo e pelos nossos participantes. O custo dos participantes para a corrida (enduro) será de R$ 15,00 com direito a 1 camiseta e 01 medalha de participação, esse custo é apenas para o pessoal de Itararé, caso contrário, será o preço normal de R$ 30,00. Durante o percurso, distribuição de água e frutas em locais estrategicos.
Domingão, dia 16 de agosto, espero por vocês”
-
Abraços e até a próxima.
Sandro Azevedo
-
Fonte: Moto Pedal - http://motopedal.virtualguia.com.br
Link Origem: http://motopedal.virtualguia.com.br/category/eventosbikes/

Copa Internacional de Mountain Bike acontece neste final de semana, em Londrina

- -_A Copa Internacional de Mountain Bike será destaque neste final de semana, dias 15 e 16 de agosto, em Londrina (PR). A disputa, que vale pontos para o ranking internacional (Elite, masculino e feminino, e Sub 23) e nacional (todas as categorias), será realizada no ACEL, ao lado do Aeroporto de Londrina. São esperados os principais nomes do esporte no país e destaques do exterior, que enfrentarão um percurso de 58 quilômetros pela região. A largada está programada para as 10h.
- -_Atletas de 14 categorias participarão do evento, sendo 11 oficiais da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) e três Open, para atletas não federados. Em sua primeira edição, o evento tem tudo para ganhar força, pois é mais uma opção para os atletas nacionais e também dos países vizinhos de somarem pontos no ranking internacional da União Ciclística Internacional (UCI).
- -_“Esse evento é importante em razão dos atletas estarem buscando pontos para o ranking internacional já pensando na participação nos torneios mundiais. Ele vai despertar interesse em competidores de todo o Continente, devendo ganhar força a cada ano”, explica José Luiz Vasconcelos, presidente da Confederação Brasileira de Ciclismo.
- -_A programação oficial é a seguinte: 15/08, 14 às 17h, Confirmação de Inscrição, 20h, Congresso Técnico no Hotel Crystal Palace, no Centro de Londrina; 16/08, 7h, Inicio da Concentração, 10h, Largada de todas as categorias; 11h45. Previsão de chegada; 14h, Premiação de todas as categorias.
- -_Outra atração da competição é sua premiação em dinheiro para todas as categorias. O campeão da Elite masculino receberá R$ 1.000,00, ficando o vice com R$ 800. Entre as mulheres, a vencedora levará para cada R$ 800,00, enquanto a segunda ganhará R$ 600,00. Haverá troféus para os cinco primeiros de cada categoria e todos os ciclistas que completarem a prova receberão medalhas de participação.
-
Fonte: Final Sports - http://www.finalsports.com.br
Link Origem: http://www.finalsports.com.br/03/comando/headline.php?n_id=110708&u=0%5C

José Azevedo vai ser diretor-desportivo de Armstrong e Paulinho

- -_O ex-corredor português José Azevedo vai juntar-se ao compatriota Sérgio Paulinho na nova equipa de ciclismo de estrada do norte-americano Lance Armstrong (RadioShack), confirmou hoje o novo diretor-desportivo à Agência Lusa.
- -_"É verdade. Surgiu o convite e eu aceitei. Ainda não acertamos todos os pormenores, mas está confirmado. É com agrado que vou voltar a trabalhar com Armstrong, de quem fui colega de equipe e com o qual sempre tive boa relação. É uma boa oportunidade para fazer algo com que sempre sonhei durante a carreira de ciclista", disse Azevedo.
- -_Além de Armstrong e do português Sergio Paulinho, Azevedo, que será um dos vários técnicos da nova equipe RadioShack, o mesmo, recusou-se a adiantar o nome de outros elementos, nomeadamente, o técnico belga Johan Bruyneel, adiantando que o convite surgiu através do empresário Bill Stapleton, representante do veterano corredor do Texas.
-
Fonte: Portugal Zone - http://www.portugalzone.com
Link Origem: http://www.portugalzone.com/?p=602

Esporte "devagar e sempre" envelhece...

Por Francine Lima
- -_Novos estudos afirmam que atividades de longa duração para idosos favorecem a perda de cálcio, mineral essencial para os ossos
- -_Nesta semana, um evento promovido pelo Grupo Pão de Açúcar reuniu pesquisadores estrangeiros e profissionais brasileiros para discutir uma questão que interessa a todo mundo: como viver mais e melhor. O tema central das palestras e debates era o tipo de exercício físico que mais favorece um envelhecimento saudável. Ficou claro que cinquentões que desejam passar dos 60 firmes e fortes não devem se render à fama de frágil que o idoso normalmente leva. A melhor estratégia para adiar as perdas inevitáveis que a idade provoca – como redução da massa muscular e da massa óssea e perda de funções do aparelho locomotor – é pegar pesado. Nada de caminhadinhas lentas ao gosto do freguês. Idoso precisa é de exercício curto e intenso, disseram os palestrantes.
- -_A tese tem várias explicações. A primeira delas, aceita há mais tempo, é que os exercícios vigorosos, que exigem bastante força muscular e envolvem impacto (jogos com bola levados a sério, por exemplo), são mais eficientes em provocar o depósito de cálcio nos ossos, aumentando a densidade óssea. O aumento da densidade é uma resposta defensiva do osso ao esforço "arriscado" que os exercícios que envolvem força muscular e impacto representam. Já a natação, que não tem impacto nenhum, não contribui para aumentar a densidade óssea. A caminhadinha leve também não. Portanto, os exercícios amenos não são uma opção muito desejável para quem precisa se cuidar contra a osteoporose.
- -_Outro argumento em defesa dos exercícios pesados para os idosos é a perda de massa óssea durante o exercício aeróbio. Essa foi a maior revelação do evento, trazida pela fisiologista Wendy Kohrt, professora titular da cadeira de Geriatria da Universidade de Denver (EUA). Um estudo feito por sua equipe com homens ciclistas (atletas) sugere que exercícios de longa duração, que geram grande quantidade de suor, favorecem a perda de cálcio na transpiração. Algo como 100 mg por hora. No mesmo estudo, o uso de uma bebida enriquecida com cálcio antes e depois do treino mostrou-se eficiente na recuperação da massa óssea. Agora, a pesquisadora está repetindo o estudo com mulheres em menopausa. Os resultados preliminares sugerem que o que acontece com atletas jovens também pode ser observado em idosos.
-
- -_Leia a seguir a entrevista exclusiva de Wendy Kohrt para ÉPOCA.
ÉPOCA – Por que os treinos longos reduzem a densidade óssea?
Wendy Kohrt – Alguns atletas treinam 20 horas por semana. Isso significa dois gramas de cálcio a menos, pois perde-se, em média, cerca de 100 miligramas por hora. Então parece que pessoas que se exercitam muito realmente precisam ingerir mais cálcio. Nós absorvemos apenas um terço do cálcio que ingerimos. Se ingerimos 1.000 miligramas, somente 300 mg irão realmente ser absorvidos. Se você faz três horas de exercício vigoroso por dia, você pode estar perdendo todo o cálcio que ingere.
-
ÉPOCA – Recentemente, ÉPOCA publicou uma reportagem sobre a necessidade de tomar ou não suplementos de vitaminas e minerais. Nenhum dos especialistas que consultamos mencionou haver uma diferença entre as necessidades de um atleta e de uma pessoa inativa.
Wendy – Me parece que essa é um campo de estudos novo. Nós começamos a publicar nossos resultados. À medida que isso entra na comunidade científica, mais pessoas passarão a pesquisar isso e o assunto ficará mais conhecido. As pessoas que fazem muito exercício deveriam, sim, considerar um aumento na quantidade de cálcio na alimentação ou tomar suplementos. Assim o exercício poderia ser otimizado.
-
ÉPOCA – No seu estudo, vocês usaram suplemento de cálcio, certo?
Wendy – Sim. Nós demos aos ciclistas uma bebida especial com cálcio. Queríamos verificar se, tomando essa bebida antes do exercício e durante, eles poderiam prevenir o aumento da produção dos hormônios que causam a degradação óssea. Agora temos evidências de que podemos pelo menos reduzir o aumento na produção desses hormônios.
-
ÉPOCA – A senhora acredita que nesse caso o suplemento funcione melhor que comida?
Wendy – Não funciona necessariamente melhor. Queríamos que fosse um líquido, porque na forma líquida o cálcio chegaria mais rapidamente ao sistema circulatório. Líquidos são digeridos mais rapidamente que sólidos. E também queríamos controlar muito cuidadosamente a quantidade de bebida que iríamos administrar aos participantes. Por isso não usamos comida.
-
ÉPOCA – Eles eram todos atletas?
Wendy – A maioria eram ciclistas competitivos. Agora estamos repetindo o estudo com mulheres menopausadas que caminham vigorosamente por uma hora. A ideia é verificar se a mesma coisa que acontece com pessoas jovens vai se repetir com as mais velhas. Fizemos o estudo com poucas mulheres até agora, mas há indicações preliminares de que o mesmo acontece, sim.
-
ÉPOCA – Se eu sou jovem e faço musculação, eu deveria tomar cálcio durante meu exercício?
Wendy – Nós estamos no começo dos estudos, eu não poderia afirmar isso. Mas a musculação não faz suar muito. Pessoas que não transpiram tanto provavelmente não precisam se preocupar. Nós não podemos ainda tirar grandes conclusões desse estudo. A suspeita é que a perda de cálcio pelo suor é o motivo pelo qual algumas pessoas não conseguem obter o benefício que o exercício traz para os ossos. Nós usamos ciclistas porque, como grupo, eles tendem a apresentar maior densidade óssea. Também se caracterizam por treinar por muitas horas. Apesar de o ciclismo não ser um exercício que envolva peso, era esperado que eles tivessem uma massa óssea normal, não que houvesse perda de massa óssea. O exercício prolongado em si não seria um motivo suficiente para haver perda de massa óssea. O suor, sim. Mas, como eu disse, ainda não posso fazer recomendações para todo mundo.
-
ÉPOCA – É possível medir quanto perdemos de cálcio no suor?
Wendy – No laboratório, sim. Na vida normal, não. Nós aplicamos um material absorvente sobre a pele do atleta, diversas vezes. Esprememos o líquido desse material e enviamos para análise. O que obtemos é uma estimativa crua do total de cálcio perdido no suor. Não é algo que qualquer pessoa possa fazer sozinha.
-
ÉPOCA – E é possível medir a quantidade de suor? Como saber se transpiramos muito ou pouco?
Wendy – Ah, sim. E isso é simples. Basta pesar-se antes e depois do exercício, sem as roupas molhadas, e somar a quantidade de líquido que ingeriu durante. Se você bebeu um litro e terminou o exercício dois quilos mais leve, deve saber que na verdade perdeu três quilos, já que repôs um.
-
Fonte: Época - Saúde Estar - http://revistaepoca.globo.com
Link Origem: http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI87659-15257,00.html

Tour do Brasil/Volta Ciclística de São Paulo 2009 define equipes nacionais convidadas

- -_A configuração do Tour do Brasil/Volta Ciclística de São Paulo 2009 prevê a participação de até 21 equipes, sendo as dez mais bem colocadas no ranking nacional, seis times do exterior, representando Chile, Argentina, Uruguai, Portugal, Alemanha e Nova Zelândia, e cinco convidados nacionais, proporcionando a presença de alguns dos melhores nomes do esporte no país na atualidade. Depois da confirmação da equipes do ranking, a Yescom Entretenimentos divulgou quatro convidadas nacionais que estarão na disputa, programada para o período de 22 a 30 de agosto, com mais de 1.200 quilômetros de percurso por estradas paulistas.
- -_São elas a Flying Horse/Caloi/Unilance, de Suzano, que tem como técnico Mauro Ribeiro e ocupa a 11ª posição do ranking brasileiro; a Alfamec/Kenda/Nossa Caixa, de São Bernardo do Campo, comandada pelo técnico Luiz Carlos Mazzaron e 14ª do ranking; a Trek/Ciclominas/Scatt/JKS/Liniers/Nossa Caixa, de Guarulhos, que tem no comando Ricardo Gava e ocupa a 17ª posição no ranking; e a Peels Capacetes/Nossa Caixa/CME, de Iracemápolis, do técnico Renato Buck e que está na 18º colocação. A organização espera a confirmação da quinta equipe convidada, que deve acontecer nos próximos dias.
- -_Principal competição do ciclismo nacional, o Tour do Brasil promete muita emoção e briga acirrada pelo topo do pódio. A edição deste ano recupera um pouco do espírito da primeira edição, mesclando trechos curtos e longos e dando maior dinâmica à disputa. As novidades deste ano são a inclusão de mais uma etapa, totalizando nove dias de competição, e a estreia da prova de contra-relógio por equipes, que abrirá o evento, no dia 22, no Complexo Viário Jornalista Roberto Marinho.
- -_O Tour do Brasil/Volta Ciclística de São Paulo 2009 percorrerá mais de 70 de municípios paulistas. As cidades-sede deste ano são São Paulo, São José dos Campos, Atibaia, São Carlos, Ribeirão Preto, Bauru, Sorocaba, Campinas e Jundiaí. As cidades que compõem o percurso já adotaram o evento, incluindo ações especiais como é o caso de São Paulo, que terá o prêmio especial Prova Ciclística Internacional Cidade de São Paulo na abertura e chegada do evento.

-
Fonte: Final Sports - http://www.finalsports.com.br
Link Origem: http://www.finalsports.com.br/03/comando/headline.php?n_id=110679&u=0%5C

Campos do Jordão recebe Encontro Nacional de Cicloturismo

O encontro reunirá ciclistas de todo o Brasil
- -_A oitava edição do Encontro Nacional de Cicloturismo e Aventura acontece entre 5 e 7 de setembro, na estância climática de Campos do Jordão, em São Paulo. Várias atividades estão programadas para o evento, organizado pelo Clube de Cicloturismo do Brasil.
- -_As inscrições para o evento estão abertas e podem ser feitas pelo Webventure até o dia 31 de agosto, ou até o fim das vagas, que são limitadas. O custo é de R$ 65,00.
- -_Além das pedaladas em meio a natureza exuberante da cidade, o evento tem programado também várias atividades como exposições fotográficas, cursos e palestras relacionadas às viagens de bicicleta, preparação e manutenção de equipamentos.
- -_Os interessados participarão de passeios pela cidade que exigirá da boa forma. Além dos passeios, haverá exposição fotográfica, cursos e palestras relacionadas às viagens de bicicleta e preparação/ manutenção de equipamento.
- -_Os cursos de regulagem de câmbio e ajuste de freios serão ministrados por Fábio Eduardo da Silva, que iniciou no cicloturismo em 1994; Wagner Philadelphi, praticante de mountain bike e cicloturismo, coordenará o curso sobre suspensão.
- -_Durante o Encontro Nacional ocorrerá o pré-lançamento do roteiro de 6 dias, e 300 km pelo litoral e interior de Santa Catarina, passando por 11 municípios, o Circuito Costa Verde e Mar. A apresentação deste roteiro será feita pela bióloga e educadora ambiental Eliana Garcia e pelo engenheiro elétrico e montanhista Rodrigo Telles.
- -_Os interessados a participar deste evento que reune atletas e amantes da pedalada e da natureza de todo o país, poderão se inscrever pelo site Webventure até o dia 31 de agosto.
-
Confira abaixo a programação:
- - 05/09 - sábado
08:30 h - concentração para o passeio
09:30 h - pedalada por estradas de terra (±20km) - dificuldade média, ritmo leve
13:00 h - almoço
14:30 h - mini curso "Regulagem de Câmbios" - Fábio Eduardo
15:30 h - mesa redonda - " O pedalar e seus benefícios ao corpo e à mente" - Ricardo Monezzi e Fábio Samori
19:00 h - jantar
20:00 h - palestra audiovisual de cicloviagem " Atacama - Chile" - Jorge Blanquer
- - 06/09 - domingo
08:00 h - concentração para o passeio
08:30 h - pedalada por estradas de terra (±30km) - dificuldade média-alta, ritmo leve
13:00 h - almoço
14:30 h - mini curso "Suspensões" - Wagner Philadelphi
15:30 h - palestra "Pré-lançamento e apresentação do circuito Costa Verde e Mar" - Eliana Garcia e Rodrigo Telles.
19:00 h - jantar
20:00 h - palestra audiovisual de cicloviagem " Buenos Aires ao Chuí" - Warley Toschi e Fábio Eduardo
21:15 h - Observação do céu (de acordo com as condições meteorológicas) .
- - 07/09 - segunda-feira
08:00 h - mini curso " Ajuste de Freios" - Fábio Eduardo
09:00 h - pedalada por estradas de terra (±20km) - dificuldade média, ritmo leve
13:00 h - Retorno à sede do evento, almoço e encerramento do evento.
- - Mais informações
- - (11) 3868-2333
-
Fonte: NetCampos - http://www.netcampos.com
Link Origem: http://www.netcampos.com/noticias-campos-do-jordao/esportes/8-encontro-nacional-de-cicloturismo-e-aventura-sera-em-campos-do-jordao/

Volta Ciclística de São Paulo terá equipes de três continentes

- -_Principal competição do calendário nacional de ciclismo, o Tour do Brasil/Volta Ciclística de São Paulo realizará em 2009 sua sexta edição. A disputa contará, mais uma vez, com as principais equipes do país e representantes do exterior, totalizando 21 times.
- -_A atração deste ano está justamente nos países participantes, com a presença de nada menos que três continentes: América, Europa e Oceania. A competição acontecerá entre os dias 22 e 30 de agosto, percorrendo as principais estradas do interior paulista e totalizando 1289,4 quilômetros, divididos por nove etapas. A largada será no dia 22, com um contra-relógio na Ponte Estaiada, em São Paulo.
- -_O Tour do Brasil/Volta Ciclística de São Paulo terá seis equipes estrangeiras na briga pelo título contra outras 15 nacionais. Da América do Sul, os organizadores convidaram representantes de três países, Argentina, Chile e Uruguai. Da Europa estão confirmados Portugal e Alemanha, enquanto da Oceania estará participando a Nova Zelândia, que fará sua estreia na competição. Nos próximos dias, a Yescom, responsável pela organização do evento, divulgará os nomes das equipes participantes do Tour do Brasil 2009.
- -_A presença destes países mostra o crescimento do evento e que ele vem conseguindo atrair equipes de várias partes do mundo, dando maior visibilidade à competição. Isso faz prever um grande evento, reunindo o que há de melhor no país e equipes do exterior também muito fortes. Outro ponto a ser destacado é a possibilidade de intercâmbio com outras escolas de ciclismo, auxiliando no desenvolvimento do esporte.
- -_Nas cinco edições realizadas, as equipes brasileiras levaram a melhor, com dois títulos para a Scott/Marcondes César/Fadenp/SJ Campos (2005/2007), um para a Memorial-Santos (2004), para a Cesc/E.C. São Caetano/Sundown (2006) e para a Avaí/Florianópolis (2008). Já no individual, o brasileiro Antonio Nascimento (Memorial-Santos) foi o primeiro campeão, em 2004; o argentino Jorge Giacinti (Memorial-Santos) em 2005; Alex Diniz (Cesc/E.C. São Caetano/Sundown) em 2006; e Marcos Novello (Memorial-Santos) em 2007. No ano passado, o título ficou com Gregori Panizo (Clube DataRo de Ciclismo-Ponta Grossa).
-
-A programação deste ano é a seguinte:
-
•1ª etapa 22/08 São Paulo contra-relógio por equipes - 6 km
•2ª etapa 23/08 São Paulo/São José dos Campos 91.1 km
•3ª etapa 24/08 São José dos Campos/Atibaia 113 km
•4ª etapa 25/08 Atibaia/São Carlos 247 km
•5ª etapa 26/08 São Carlos/Ribeirão Preto 99,5 km
•6ª etapa 27/08 Ribeirão Preto/Bauru - 211,6 km
•7ª etapa 28/08 Bauru /Sorocaba 181 km
•8ª etapa 29/08 Sorocaba/Campinas 169,6 km
•9ª etapa 30/08 Jundiaí/São Paulo 51.5 km
Total: 1.289,4 km
-
Fonte: 360 Graus - http://360graus.terra.com.br/biking/default.asp?did=28903&action=news
Link Origem:http://360graus.terra.com.br/biking/default.asp?did=28903&action=news

Breno Sidoti e equipe vencem a Volta Internacional do Rio de Janeiro

- -_O ciclista Breno Sidoti e a equipe Scott/Marcondes César, de São José dos Campos, foram campeões da Volta internacional de Campos do Goytacazes, também conhecida como Volta do Rio de Janeiro. A competição, válida pelo ranking das Américas, foi encerrada neste domingo, 10. - -_Esse é o primeiro título internacional de Sidoti na temporada. Para garantir a conquista, ele manteve a liderança assumida no primeiro dia da competição, protagonizando uma fuga com o ciclista Renato Ruiz, da equipe Caloi/Flying/Unilance.
- -_O campeão destacou que a vitória foi um trabalho de equipe e dedicou o resultado à equipe Scott/Marcondes, a quem chamou de família, ao pai, que faleceu recentemente, e à namorada Danielle.
- -_A prova contou com a participação de cinco agremiações estrangeiras, sendo duas do Chile, duas da Argentina e uma do Uruguai, além das 10 melhores equipes do ranking nacional.
- -_Após o título, Sidoti e equipe regressam para São José dos Campos com foco na próxima competição: a Volta de São Paulo, que acontece entre os dias 22 e 30 de agosto e terá duas etapas passando por São José dos Campos.


Equipe Scott/Marcondes César/São José dos Campos

- -_“Sabemos que esse título da Volta do Rio de Janeiro servirá de incentivo para nossa equipe nas próximas provas, mas sabemos também que é uma nova competição e teremos que lutar novamente com a mesma determinação para tentarmos conquistar o triunfo”, destacou.
- -_Essa é a terceira vez que a equipe joseense vence a Volta do Rio de Janeiro e a segunda consecutiva. No ano passado, o ciclista Matias Médici conquistou o título da prova.
-
- Confira a classificação final da competição:
-
1º - Breno França Sidoti (Scott/Marcondes César/ São José dos Campos) - 07h08’37”
2º - Renato Ruiz (Caloi/Flying Horse/Unilance) - 07h08’44”
3º - Luis Mansilla (Seleção do Chile) - 07h09’40”
4º - Fabiele Motta (Cesc/Sundown/N.Caixa) - 07h09’48”
5º - Carlos França - (Dataro CordeiropolisCopsa/Uruguai) - 07h09’51”
-
- Classificação geral por equipe:
-
1º - Scott/Marcondes César SJCampos
2º - CRCE Memorial Santos
3º – Cesc/Sundown/N.Caixa
4º - São Francisco/Ribeirão Preto
5º - Dataro/Cordeirópolis
-
Fonte: Agora Vale - http://www.pindavale.com.br/agoravale
Link Origem: http://www.pindavale.com.br/agoravale/noticias.asp?id=16382&cod=2

Lance Armstrong sagrou-se campeão do Colorado de MTB

-_Em casa desde que terminou o Tour de France 2009, o norte-americano Lance Armstrong não tem, no entanto, se descuidado da condição física, como demonstram as participações em algumas provas de MTB, no seu pais natal, tendo mesmo ganho uma delas, a Blast the Mass, realizada na cidade de Snowmass.
«Venci e sou campeão do Colorado. Engraçado para quem é um texano. Mas sofri muito», desabafou Lance, de 37 anos, na sua página pessoal do Twitter.
- -_Numa altura em que está a preparar a presença na sua nova equipa, a nortea-americana RadioShack, que deverá fazer parte do pelotão internacional em 2010, Armstrong volta assim a vencer uma prova de MTB, a segunda desde que regressou à competição. Em Março, já havia vencido uma prova regional em Nevada.
- -_No Tour de France 2009, o ciclsta norte-americano ganhou o contra-relógio por equipas.
- -_O regresso de Armstrong às competições de estrada está marcado para a Volta a Irlanda, que terá lugar entre e 21 e 23 de Agosto.
-
Fonte: Diario Digital - http://diariodigital.sapo.pt
Link Origem: http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=123&id_news=403369

Velocista carioca é o mais rápido em aquecimento para a Volta do Rio, que começa hoje

Por Leandro Bittar
- -_Fabiele Motta (Cesc/Sundown/Nossa Caixa/São Caetano) foi o campeão da 65ª Prova Ciclística São Salvador, realizada nesta quinta-feira (6), na cidade de Campos-RJ. O tradicional evento precede a Volta do Rio, que começa nesta sexta-feira, na mesma cidade do litoral carioca.
- -_“É uma vitória muito importante para a minha carreira. Estou muito contente com esse resultado. É o meu melhor momento no ciclismo desde 2007”, declarou Fabiele Motta, “com esse título e o vice-campeonato do Giro Memorial, vou subir bastante no ranking nacional. Estou atravessando uma grande fase e vou brigar por mais títulos na temporada”, afirmou o atleta.
- -_E ele tem motivos para animar-se. Depois da vitória de ontem, Motta sabe que as três etapas da Volta do Rio são boas para os velocistas (ele mesmo venceu uma no ano passado) e a Volta de São Paulo, no final do mês, também deve render bons frutos aos sprinters.
- -_Volta do Rio
- -_Cancelada no ano passado, a prova carioca Volta Internacional de Campos retorna em mesmo palco de 2007 com a fama de Volta do Rio. Desta vez, com apenas três etapas – e não cinco – e também sem a disputa de contrarrelógio, modalidade que selou a vitória de Matias Médici em 2007.
- -_A primeira etapa, nesta sexta, será realizada entre Campos-São Fidélis-Campos-São Fidélis-Campos, com um total 172 quilômetros. No sábado, acontece uma etapa de 148 km, enquanto a terceira, no domingo, terá a distância de 126 quilômetros.
-
Quinze equipes, cinco estrangeiras, largam em Campos:
DataRo/Cordeirópolis
Fapi Funvic/Pindamonhangaba
São Lucas Saúde/Americana
Cesc/São Caetano do Sul
São Francisco/Ribeirão Preto
Scott/Marcondes César/SJ Campos
Caloi/Flying Horse/Unilance
GRCE Memorial/Perf. Santos/Giant
Peels Capacetes/ Iracemapolis
Acme-Zero Graviti (ARG)
Italomat/Weber/Orbai (ARG)
Seleção do Uruguai
Seleção do Chile
Chile Desportivo Timberland Trek (CHI)
Seleção do Rio de Janeiro

-
Fonte: Prologo - http://prologo.uol.com.br
Link Origem: http://prologo.uol.com.br/scripts/materia/materia_det.asp?idMateria=3112

Andrey Ortiz é vice-campeão do 33º Giro delle Dolomiti

- -_O ciclista brasileiro Andrey Ortiz, de 28 anos, brilhou no 33º Giro delle Dolomiti, que foi realizado na cidade italiana de Bolzano. O atleta, que compete pela equipe de Sorocaba, surpreendeu a todos e conquistou o vice-campeonato da competição.
- -_Depois de seis etapas disputadas, Ortiz completou a prova com o tempo acumulado de 3h52min11s70. Pelo quinto ano consecutivo, o título ficou com o italiano Alexander Zelguer, que encerrou a disputa em 3h51min44s10. Na terceira posição terminou Carlo Muraro, com 3h53min03s95.
- -_Já Jean Coloca, o outro brasileiro que disputou a prova, ficou na 12ª posição, com o tempo de 4h06min02s50. "Estou muito feliz com o vice-campeonato. Foi um resultado fantástico que superou todas as minhas expectativas. Tive um desempenho muito bom em todas as etapas", comemorou Andrey Ortiz, que subiu ao pódio nas seis etapas disputadas: ficou quatro vezes em segundo lugar e duas na primeira colocação.
- -_"Na primeira etapa, estava cansado da viagem e também não conhecia muito bem a prova. Mesmo assim, consegui terminar na segunda colocação, mas o Zelguer abriu uma vantagem de 39 segundos, o que foi determinante para a conquista do título", declarou o atleta, que terminou a competição 21 segundos atrás do campeão. "A competição foi um aprendizado muito grande para mim. Aprendemos técnica em subida e muita tática também", comentou o brasileiro.
- -_Andrey Ortiz fez questão de agradecer o trabalho dos companheiros de equipe Jean Coloca e Mauro Pirata. "O Jean foi importantíssimo em todas as etapas. Ele procurou me proteger e sempre esteve presente nos momentos mais difíceis. Já o Mauro foi essencial na logística. Ele ajudou em tudo o que foi preciso", disse o atleta, agradecendo também o treinador Celso Anderson, o coordenador técnico Erlon Freitas e o patrocinador, a Padaria Real.
-
Fonte: O Radical - http://oradical.uol.com.br
Link Origem: http://oradical.uol.com.br/conteudo/resultado_giro_delle_dolomiti_2009.asp