...Mazobikers

-->

Através destas fontes você consegue acompanhar as principais provas do ciclismo mundial!

Clique em uma das Opções de Streaming para assistir...

Para fechar basta clicar no botão na referida Streaming...

As Transmissões do ciclismo feitas pela CyclingToday, EUROSPORT1 UK, EUROSPORT1 ES e EUROSPORT1 POR-PT iníciam-se sempre em torno de 09:00am.

Indicamos o uso do Browser BRAVE para que não haja aberturas de Popups/ADs.

Para o download do Brave Browser acesse aqui!


TOUR DE FRANCE: Pogacar acredita que 57 segundos ainda são recuperáveis

O ciclista esloveno Tadej Pogacar (UAE Emirates) acredita que ainda é possível destronar o compatriota Primoz Roglic (Jumbo-Visma) na Volta a França, apesar de ontem (quarta-feira) ter perdido segundos para o camisa amarela na 17.ª etapa.
"A subida final era muito violenta. Perdi um punhado de segundos. Queria ganhar, mas estou satisfeito com o resultado. O Tour ainda não acabou. Uma diferença de 57 segundos ainda é recuperável", estimou o jovem líder da UAE Emirates.
Pogacar travou uma luta com Primoz Roglic nos últimos quilômetros da subida a Col de la Loze, acabando por ceder 15 segundos para o camisa amarela, que, graças às bonificações inerentes ao seu segundo lugar na etapa vencida pelo colombiano Miguel Ángel López (Astana), ainda conquistou mais dois.
"A Bahrain-McLaren impôs um ritmo realmente rápido en la Madeleine e, no Col de la Loze, a corrida explodiu nos últimos quilômetros. Num final tão duro, estou contente por não ter perdido mais tempo. Pela altitude [2.304 metros], foi um dos finais [de etapa] mais difíceis que já fiz", assumiu.
Segundo da classificação geral, o dono da camisa da juventude e, desde hoje, líder da classificação da montanha considera que "tudo pode acontecer" nos próximos dias.
"Posso perder o pódio, posso ganhar [o Tour], vai ser uma bela disputa. Amanhã [quinta-feira], teremos uma nova jornada complicada. Mas, independentemente do que acontecer, podemos estar felizes com o que fizemos", falou, indicando que, se não puder chegar à amarela, vai tentar manter a camisa de montanha.
Quem prefere ser cauteloso, apesar de hoje ter reforçado mais uma vez a liderança da geral, é Primoz Roglic, que defende que o seu trabalho não está terminado.
"Faltam etapas duras. Agora, falta menos uma, mas o Tadej é um grande escalador. Esta montanha não se pode comparar com outras, estou contente por tê-la superado", disse o camisola amarela, considerando que "a vantagem nunca é suficiente", mas a que agora tem é melhor do que a que tinha na partida para a 17.ª etapa.
O esloveno da Jumbo-Visma reconheceu que gostaria de ter vencido a tirada, que foi muito violenta, mas mostrou-se satisfeito por ter conquistado segundos a Pogacar.
-

Fonte: https://www.record.pt/modalidades/ciclismo/detalhe/tour-pogacar-acredita-que-57-segundos-ainda-sao-recuperaveis?ref=HP_Ultimas


Postar um comentário

[blogger]

Mazobiker

{google#Mazobiker}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget