Banner do Campeonato Paranaense de DH 2019
-->
NOVAS NOTÍCIAS:
Carregando...

Daniel Zóia e Bruno Paim estão entre os 400 atletas do Desafio Timon Bikers

Atletas de oito estados virão encarar os mais de 80 km das categoria Pro no 4º Desafio Timon Bikers, prova oficial valendo pontos das etapas da Federações de Ciclismo do Piauí, essa como 8ª etapa do Estadual de MTB, e do Maranhão, valendo pela 6ª etapa, além de valer como prova de ranking nacional de classificação máxima (XCM1) da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC). A disputa acontecerá no dia 1º de setembro, na cidade de Timon, vizinha a Teresina. A largada da prova será às 7 horas da Praça São José, no centro de Timon. Serão distribuídos R$ 16 mil em prêmios, além de troféus para os cinco primeiros colocados de cada categoria e medalha para todos os que concluírem a prova. Um dos diretores da prova, Delphino Araújo, destacou que o melhor atleta colocado no geral do Piauí e o melhor do Maranhão receberão ainda, de quebra, uma premiação de R$ 1.000,00, para cada.
Oito estados estão inscritos e atletas feras conhecidos no cenário do ciclismo nacional, entre eles o experiente Daniel Zóia, de Viçosa, Minas Gerais, equipe Audax, que além de vários títulos nacionais é o campeão do Rally Cerapió 2018 de moutain bike. Outro fera da mesma equipe é o jovem paratleta Bruno Paim, de 20 anos, de Dourados, Mato Grosso do Sul, que é o atual campeão no Campeonato Mundial de MTB pela categoria PNE (Portadores de Necessidades Especiais), vice-campeão Dupla Mista do Brasil Ride, campeão Sul Bike Race e também campeão do próprio Desafio Timon Bikers. Outra fera inscrita é a ciclista Alexa Claudia Diekhaus, de Nova Lima, Minas Gerais, que vem aí entrar na disputa acirrada da categoria Elite.
O secretário estadual de Esportes do Maranhão, Rogério Cafeteira e o deputado estadual Rafael Leitoa apoiam o evento como forma de incentivo para o engrandecimento do esporte amador no Estado. Os organizadores do evento, a equipe Timon Bikers Adventure - TBA, comemoram o sucesso da prova que já chega aos 400 inscritos.
Nos últimos anos, só vêm aumentando o número de competidores, inclusive de outros estados; o Desafio chega à quarta edição consecutiva. Os diretores do evento estão bastante motivados para fazerem um grande espetáculo, com uma prova de alto nível. E tem que ser, pois a prova ganhou sinal verde, mais uma vez, da Confederação Brasileira de Ciclismo - CBC e está classificada na classe XCM1, que rende maior pontuação, "assim atletas que pretendem ser campeões brasileiros por ranking, geralmente os de ponta, procuram participar mais das provas com maior pontuação e o evento somente cresce dessa maneira", considera o diretor do TBA, Cleiton Silva.
-
Da Redação
redacao@cidadeverde.com
-

0 comentários: