...Mazobikers

Através destas fontes você consegue acompanhar as principais provas do ciclismo mundial!

Clique em uma das Opções de Streaming para assistir...

Para fechar basta clicar no botão na referida Streaming...

As Transmissões do ciclismo feitas pela CyclingToday, EUROSPORT1 UK, EUROSPORT1 ES e EUROSPORT1 POR-PT iníciam-se sempre em torno de 09:00am.

Indicamos o uso do Browser BRAVE para que não haja aberturas de Popups/ADs.

Para o download do Brave Browser acesse aqui!


Brasileiros em ação no Pan-Americano de MTB 2017

Os ciclistas brasileiros desafiam a altitude na 11ª edição do Campeonato Pan-Americano de mountain bike 2017 em Paipa - Boyacá, na Colômbia até o domingo (2 de abril).
A programação oficial começou com a prova de revezamento "Team Relay" (XCR), com a seleção brasileira terminando na sexta colocação. O Cross Country Eliminator (XCE) tem disputas nesta sexta-feira (31), seguida pelas provas de XCO das categorias máster e Juvenil. No sábado, acontecem as provas de XCO da categoria Junior e finais de todas as categorias do Downhill.
Na elite do XCO, os representantes brasileiros convocados pela CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo) são Henrique Avancini e Raiza Goulão, que enceram a programação no domingo (2). Muitos outros ciclistas brasileiros marcam presença na competição de maneira avulsa.
Raiza disputa sua prova as 11h e Henrique busca o bicampeonato a partir das 17h15 (horário de Brasília). Em 2016 Henrique Avancini e Raiza Goulão conquistaram a medalha de prata. Os atuais campeões pan-americanos da categoria elite XCO são a mexicana Daniela Campuzano e o argentino Catriel Soto.
Pan MTB 2017: Raíza Goulão quer o título © Andalucia Bike Race

Formato da competição

"Serão quatro dias de competições em vários formatos; Sprint Eliminator (XCE), Cross Country Olímpico (XCO), Revezamento de Equipes (XCR) e Downhill” - conta o técnico Henrique Furtado.
"O XCO é, sem dúvida, a modalidade mais disputada e mais importante do MTB. Nessa modalidade os atletas irão competir em um circuito técnico de trilhas (single track), onde farão varias voltas. Já o XCE é uma prova no formato de prólogo, bem curta e definirá a quantidade de voltas e a posição de largado para o XCO. E o XCR é no formato revezamento onde um atleta por categoria de cada delegação nacional dará uma volta no circuito somando o total de 5 voltas" - complementa.
Specialized Racing BR: Bruna Elias © Specialized Racing BR

Desafio da altitude

Paipa é um município Colombiano situado no centro-oriente do país, na província de Tundamá do departamento de Boyacá. A pequena cidade fica encravada nas montanhas, oferecendo um grande desafio aos ciclistas, em virtude da altitude média 2.525 metros acima do nível do mar!
Os efeitos do ar rarefeito tornam-se grandes obstáculos no esporte, principalmente, para os competidores do cross country olímpico, em que o circuito será composto por 3,5 quilômetros por cada volta.
Specialized Racing BR no Pan MTB 2017 © Specialized Racing BR

Jovens talentos

Os atletas da equipe Specialized Racing BR destaca-se no Campeonato Pan-americano de Mountain Bike pela ótima infraestrutura. Em busca de experiência e melhorar os resultados do ano passado os ciclistas Erick Bruske, Lucas Sírio, Larissa Brasa e Bruna Elias contam com uma estrutura completa, com acompanhamento do educador técnico da equipe Henrique Furtado, suporte mecânico exclusivo para o time e nutrição de primeira oferecida pela Honey Stinger.
“Os atletas estão recebendo a estrutura e apoio que merecem diante de todo esforço e dedicação que tem entregado à equipe e a marca Specialized. Isso influencia positivamente na forma com que encaram as provas e batalhas diárias que enfrentam. A convocação da CBC e oportunidade de representar o Brasil numa prova tão importante como essa é uma vitória vibrada por todos.” - conta Lucas Marion, responsável por Sports Marketing da Specialized Brasil.
Uma das grandes promessas neste Campeonato Pan-americano de MTB 2017 é a gaúcha Bruna Elias, de 17 anos, que busca o título da América Latina na categoria junior feminino. Em 2016, a ciclista gaúcha terminou com a medalha de prata e com a vontade de subir no topo do pódio!
"A Bruna competiu em 2016 na Argentina, Catamarca na categoria juvenil. Foi a primeira prova internacional da Bruna que teve uma experiência incrível. Ela largou atrás completando a primeira volta na quinta colocação e por surpresa de todos teve um excelente desempenho na última volta, levando o vice campeonato pro Brasil. Esse é o primeiro ano da Bruna na categoria Junior e ela tem se mostrado em excelente forma, executando os treinos com perfeição. A atleta tem andando na frente e ganhando provas importantes como a primeira etapa da Copa Internacional de MTB e é uma forte candidata ao lugar mais alto do pódium no PAN 2017" - relata o técnico.
Larissa Brasa: "Ela compeitu o Pan no Brasil em 2014 no primeiro ano de Junior, mesmo sentindo a grande diferença da mudança de categoria andou firme chegando na oitava colocação. Esse ano é a primeira viagem/prova internacional da atleta e já na categoria sub-23 ela briga pra defender o Brasil entre as melhores do mundo" - afirma.
Lucas Sírio: "Nosso atleta da categoria Junior masculino competiu pela primeira vez no Pan-americano em 2014 que aconteceu em Barbacena (MG). Foi o primeiro ano do atleta na categoria juvenil, fez uma excelente prova chegando entre os 10 primeiros colocados. Em 2015, Lucas competiu em Cota, na Colômbia e mesmo com problemas técnicos, largando na ultima fila fez uma prova de recuperação chegando em 6º lugar. Em 2016, no seu primeiro ano de Junior no Pan-americano na Argentina, ele fez uma excelente prova largando bem atrás e chegando na oitava colocação. Para esse ano, Lucas está com mais experiência e melhor ritmo na categoria e vai brigar por uma medalha no pódio do Pan na Junior Masculino" - acrescenta.
Erick Bruske: "Ele é o talento do Brasil na sub-23 e vai competir pela terceira vez no pan. Em 2015, na Colômbia, Erick precisou abandonar a prova por problemas de saúde, depois de uma infecção intestinal. Em 2016 na Argentina, Erick fez uma boa prova, andando constante e terminando entre os Top 15, sendo o melhor brasileiro na categoria. Para esse ano Erick está mais preparado e experiente, visando defender um boa colocação entre os top 5 e sonha com uma possível medalha," conclui.

-
Fonte: http://www.redbull.com/br/pt/bike/stories/1331851978834/brasileiros-em-acao-no-pan-americano-de-mtb-2017

Postar um comentário

[blogger]

Mazobiker

{google#Mazobiker}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget