NOVAS NOTÍCIAS:
Carregando...

Capixabas usam ciclismo para curar obesidade, alcoolismo e depressão

Capixabas mudaram de vida com a prática do ciclismo (Foto: Reprodução/ TV Gazeta) 
___Três capixabas apostaram no ciclismo como forma de mudar de vida e hoje são exemplos de superação. Ana Paula, Hugo e Alexandre descobriram nas pedaladas uma motivação para perder peso, evitar a ingestão de álcool e vencer a depressão. Para eles, não há dúvidas de que o esporte é um remédio para quase todos os males.
___A autônoma Ana Paula Pimentel começou a pedalar porque estava incomodada com os quilos a mais.
“Eu estava muito acima do peso, com 96 quilos, e procurando qualidade de vida. Antes, eu tinha dificuldade até em caminhar, por exemplo. E com o tempo de treinamento a gente vai melhorando, o peso baixa. Hoje estou com vinte quilos a menos”, contou.
___Além disso, ela começou a participar de várias competições. No Ciclismo de Estrada, é campeã brasileira, e tem quatro títulos capixabas. O marido dela, Hugo Carlini, seguiu pelo mesmo caminho, e assim conseguiu superar um vício.
“Meu maior problema era o alcoolismo. Bebia, não tinha controle. Então troquei minha primeira barraca de camping que eu usava para viajar, acampar e me embriagar por uma bicicletinha. Peguei gosto, entrei nas competições, tive bons resultados e estou aí até hoje. Nada de álcool”, disse.
__Já o empresário Alexandre conseguiu vencer uma depressão graças ao esporte.
“Depois que conheci o ciclismo, fui me empenhado cada vez mais, fui me tornando mais feliz, e graças a Deus me livrei disso”, explicou.
Fonte: http://g1.globo.com/espirito-santo/noticia/2016/10/capixabas-usam-ciclismo-para-curar-obesidade-alcoolismo-e-depressao.html

0 comentários: