Banner do Campeonato Paranaense de DH 2019
-->
NOVAS NOTÍCIAS:
Carregando...

Giro D'Italia 2014 - 7a. Etapa: Nacer Bouhanni (FDJ) soma e segue no Giro

# Ciclista francês voltou a demonstrar dotes no sprint e alcançou a segunda vitória no Giro D'Itália.
http://cdn.controlinveste.pt/storage/OJ/2014/big/ng3252767.jpg?type=big 
. O ciclista francês Nacer Bouhanni (FDJ) voltou a demonstrar por que é considerado uma das grandes promessas do sprint ao conquistar a sua segunda vitória na 97ª edição do GIRO, no final da sétima etapa. Num final sem atribulações, depois de várias etapas marcadas por quedas mais ou menos graves, Bouhanni voltou a mostrar que é o mais rápido do pelotão depois do abandono do alemão Marcel Kittel, batendo ao sprint o italiano Giacomo Nizzolo (Trek) e o esloveno Luka Mezgec (Giant-Shimano), os primeiros do pelotão, no qual onde vinha integrado o português André Cardoso (Garmin).
"Estava na roda dos Giant-Shimano antes do "sprint" e depois consegui passá-los ao longo das barreiras. Estou contente por mim e pela equipE, que fez um belo trabalho", disse o campeão de França de 2012, de 24 anos.
. Antes do rápido final em Foligno, depois de 211 quilômetros desde Frosinone, uma fuga de cinco elementos animou a sétima etapa. Os colombianos Robinson Chalapud (Colombia) e Winner Anacona (Lampre-Merida), o espanhol José Herrada (Movistar), o alemão Bjorn Thurau (Europcar) e o italiano Nicola Boem (Bardiani-CSF) foram, paulatinamente, construindo uma vantagem que chegou aos nove minutos. Com o quinteto a dispor ainda de uma margem de cinco minutos a 50 quilômetros da meta, a Orica-GreenEdge, do camisa rosa Michael Matthews, viu-se obrigada a assumir a perseguição, numa luta contra o tempo, que terminou a apenas dois quilômetros da chegada.
. Estava então lançado o sprint que consagrou Bouhanni na meta em Foligno, cidade que até hoje só tinha acolhido um final de etapa, no distante ano de 1968.
. Na geral, Michael Matthews, que foi quarto na etapa, mantém-se como líder com 21 segundos de vantagem sobre o compatriota australiano Cadel Evans (BMC) e 01m28s sobre o terceiro classificado, o colombiano Rigoberto Urán (Omega Pharma-Quickstep).
-
Fonte: http://www.ojogo.pt

0 comentários: