NOVAS NOTÍCIAS:
Carregando...

Giro D'Italia 2014 - 6a. Etapa: Michael Mattews reforça liderança do Giro vencendo

# A sexta etapa da Volta a Itália ficou marcada por uma queda que retirou Joaquim Rodriguez da luta pela geral.
-
http://cdn.controlinveste.pt/storage/OJ/2014/big/ng3239102.jpg?type=big 
. O camisa rosa Michael Matthews (Orica-GreenEdge) consolidou a liderança no Giro D'Italia , ao vencer a sexta e mais longa etapa desta edição, na chegada a Montecassino. Numa etapa novamente marcada por uma queda nos últimos quilômetros, que deixou apenas cinco ciclistas na frente, o corredor australiano foi o mais forte no restrito sprint final, batendo o belga Tim Wellens (Lotto-Belisol) e o compatriota Cadel Evans (BMC) sobre a linha de chegada.
. A queda cortou o pelotão em pequenos grupos, condenando as aspirações à geral de Joaquim "Purito" Rodriguez (Katusha), um dos principais favoritos ao triunfo, que perdeu 07m43s e teve de passar pelo hospital.
. Sem respeitar o "acordo de cavalheiros" existente no pelotão, que estipula que, em caso de queda, ninguém deve atacar, a BMC de Cadel Evans, segundo classificado no Giro2013, acelerou a frente de corrida e conseguiu criar um espaço de 49 segundos para os outros candidatos, como Nairo Quintana (Movistar), Rigoberto Urán (Omega Pharma-Quick Step) ou Ivan Basso (Cannondale).
. Grande beneficiado do dia, a par de Matthews, que aos 23 anos conquista a primeira vitória individual no Giro, o veterano australiano subiu ao segundo lugar da geral, embora agora esteja a 21 segundos do camisa amarela, devido às bonificações.
. Depois de uma inofensiva, mas longa fuga protagonizada pelos italianos Marco Bandiera (Androni Giocattoli), Edoardo Zardini (Bardiani) e Andrea Fedi (Neri Sottoli) e pelo colombiano Rodolfo Torres (Colombia) -- os quatros chegaram a ter uma vantagem de 14 minutos -, a aproximação a Montecassino, cidade onde estava instalada a chegada, depois de 257 quilômetros desde Sassano, foi feita de forma rápida. A velocidade a que seguia o pelotão e a estrada deslizante, encharcada por uma chuva que ainda não parou de cair desde que a caravana do Giro entrou na Itália, tornaram-se uma combinação explosiva que culminou em uma nova queda, que acabou levando Giampaolo Caruso (Katusha) para o hospital.
-
Vejam a queda do pelotão.

0 comentários: