.
NOVAS NOTÍCIAS:
Carregando...

Ciclistas brasileiros faturam pódios na Argentina e Equador

. A Seleção Brasileira de BMX fez uma boa estreia no Internacional de Quito, no Equador, no último sábado (18) e conquistou três medalhas de ouro. Renato Rezende e Bianca Quinalha dominaram toda a prova na categoria Elite e chegaram facilmente ao pódio, mostrando a força do Brasil no esporte.
. O jovem Anderson Ezequiel, 17 anos, também levou o ouro na categoria Junior e mostrou personalidade. O BMX, mais conhecido como bicicross, é uma modalidade do ciclismo praticada com bicicletas de aro 20 ou 24, em uma pista cheia de obstáculos.
. As conquistas no Internacional de Quito são fundamentais, pois contam pontos no ranking internacional, que classifica para os jogos olímpicos do Rio de Janeiro em 2016, em disputas com os melhores da América. O Brasil ainda levou duas medalhas de prata com Thaynara Morosini na Elite feminino, Bruno Cogo na Junior e Miguel Dixini ficou em quarto na Elite masculino.
"Gostei muito do rendimento da equipe. Conseguimos vencer as principais categorias e isso acaba colocando o Brasil como principal destaque da competição. Acredito no potencial dos nossos atletas e vamos tentar repetir o bom desempenho durante a segunda etapa", declarou Guilherme Pussieldi, técnico da Seleção Brasileira de BMX.
. A Seleção Brasileira de BMX está participando do Internacional de Quito com seis atletas: Renato Rezende (Elite), Miguel Dixini (Elite), Bianca Quinalha (Elite), Priscilla Carnaval (Elite), Thaynara Morosini (Elite) e Anderson Ezequiel Filho (Júnior). Eles estão acompanhados pelos treinadores Guilherme Pussieldi e Daniel Jorge.

Tour de San Luis 
. Duas atletas brasileiras terminaram no pódio no Tour Feminino de San Luis, na Argentina, competição que passa por diversas cidades em um percurso de 268 quilômetros em cinco dias. A última etapa foi realizada no sábado (18) e teve a cubana Arlenis Sierra na primeira posição, com tempo de 2h05min36s no trecho de 78,8 km.
 . No circuito geral, a americana Alison Powers da equipe United Healthcare ficou com a medalha de ouro com tempo total de 7h26min35s; seguida pela brasileira Fernanda Souza da Funvic/São José dos Campos, com 2min22s a mais; e Cremilda Fernandes da Seleção Brasileira com 2min37s a mais do que a líder.
"Foi uma competição muito disputada, com equipes experientes e de alto nível. Todas estavam determinadas em fazer um bom resultado. Acredito que a seleção conseguiu desempenhar um bom papel, estivemos sempre ativos durante as provas e conseguimos uma grande vitória na segunda etapa, além da terceira colocação geral com a Clemilda. O resultado foi positivo", declarou Glauber de Souza, técnico da Seleção Brasileira Feminina de Ciclismo de Estrada.
 - Fonte: londrina.odiario.com

0 comentários: