NOVAS NOTÍCIAS:
Carregando...

Um pesadelo na neve: Gerald Ciolek venceu uma prova desumana, com 245 quilômetros de frio intenso e muita chuva.

--_O alemão Gerald Ciolek (MTN-Qhubeka) venceu a clássica Milão-San Remo, ao superar nos últimos metros o eslovaco Peter Sagan (Cannondale) e o suíço Fabian Cancellara (Radioshack), mas a corrida de um dia, mais longa do calendário voltou a levantar interrogações sobre os sacrifícios a que os ciclistas são obrigados: ontem, apesar de uma neutralização de 43 quilômetros, feitos de carro pelo motivo de a estrada estar intransitável, o pelotão ainda percorreu 245, enfrentando neve, chuva e vento.
--_As quedas foram muitas e as desistências ainda mais, em alguns casos, como o de Vincenzo Nibali, por os ciclistas não resistirem à baixa temperatura. Apesar disso, a San Remo ainda chegaram 135 corredores, após uma epopéia de mais de 5 horas e meia. "Hoje todos fomos heróis", comentou Fabian Cancellara, um dos mais suaves na análise.

-
Vejam as fotos, uma verdadeira batalha contra o tempo...
 
 
 
Fonte: O Jogo
Link Origem: http://www.ojogo.pt/Modalidades/Ciclismo/interior.aspx?content_id=3114195

0 comentários: