.
NOVAS NOTÍCIAS:
Carregando...

Murilo Fisher lidera ciclismo

--_Pela quarta Olimpíada consecutiva, a equipe brasileira de ciclismo de estrada será liderada pelo catarinense Murilo Fisher, de 33 anos, da equipe profissional norte-americana Team Garmin. Magno Prado e Gregolry Panizo completam a lista dos três convocados, divulgada ontem pela Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC). Fisher estreou nos Jogos Olímpicos de Sydney, em 2000, como o único representante brasileiro no ciclismo de estrada masculino. Em Atenas (2004), teve a companhia de Márcio May e Luciano Pagliarini, terminando em 62º colocado. Quatro anos depois, em Pequim, obteve um honroso 19º lugar.
--_ Apesar de contar com dois atletas na Seleção Brasileira, ele explica que o objetivo da equipe sorocabana nunca foi chegar aos Jogos Olímpicos de Londres. Os atletas dedicaram-se somente às competições realizadas no continente americano. "Nas Olimpíadas de 2016, aqui no Brasil, o número de participantes brasileiros será muito maior, então teremos mais chances", explica José Eduardo.
--_A vaga olímpica por equipes foi conquistada porque o País encerrou o ranking olímpico das Américas em terceiro lugar. A classificação, de acordo com a CBC, deve-se ao título e aos pontos do Campeonato Pan-Americano do ano ano passado, conquistado por Gregolry Panizo. Os três convocados devem participar da prova olímpica de estrada, que acontecerá no dia 28 de julho, num percurso de 250 km. --_Quatro dias depois, só um deles estará na prova contra o relógio, em que os atletas largam com diferença de 90 segundos entre eles. A medalha de ouro fica com quem completar o percurso de 44 km no menor tempo. A tendência é que Magno Prado seja o escolhido.
--_Durante a escolha dos representantes, explica o diretor do departamento de alto rendimento da CBC, Francisco Florêncio, houve muita dificuldade. "Isso porque muitos outros ciclistas talentosíssimos também poderiam fazer parte desta lista, como Rafael Andriato, Carlos Manarelli, Gideoni Monteiro e Otávio Bulgarelli, que em nosso entendimento serão fundamentais para o Brasil no Ciclo Olímpico de 2016". Por isso, Francisco aposta em resultados inéditos para o País em Londres. 
## Boa escolha 
--_Para o gestor da equipe Padaria Real/Caloi/Céu Azul Alimentos/Sorocaba, José Eduardo de Souza, o Doia, o País será muito bem representado por Murilo Fisher, um dos poucos atletas que correm nas 20 equipes Pro Tour disponíveis no mundo todo. "Murilo é o melhor e mais experiente ciclista brasileiro da atualidade", acredita.
--_Doia também comemora a convocação de Magno Prado e Gregolry Panizo. "Magno é vice-campeão pan-americano e especialista na prova contrarrelógio, já Gregolry gosta de montanhas e subidas".
-
Fonte: JORNAL CRUZEIRO DO SUL
Link Origem

0 comentários: