Campeonato Paranaense de DH 2018
4º Desafio do Dia do Trabalhador
}
NOVAS NOTÍCIAS:
Carregando...

Bicicletas abrem 'Dia Mundial Sem Carro' no Rio

- -_A Federação de Ciclismo do Estado do Rio, com o apoio da Secretaria Estadual de Transporte e das Barcas S/A, promoveu ontem um passeio ciclístico, com trajeto saindo de Niterói até a Zona Sul do Rio, dando início ao chamado Dia Mundial Sem Carro – que visa chamar a atenção para a poluição.
- -_Cerca de 25 mil ciclistas participaram do evento, que começou por volta das 8h30 na Concha Acústica de Niterói, cruza a Baía de Guanabara a bordo de três barcas, atravessa a Praça 15 e o Aterro do Flamengo, chegando até a Praia do Leme. Segundo a federação, o passeio acontece há 21 anos em Niterói e, pela primeira vez, atravessará a Baía, chegando ao Rio.
- -_Além de ciclistas amadores, o ato teve a participação de atletas profissionais e praticantes de outros esportes, como Paulinho Villas-Boas, ex-ala da seleção brasileira de basquete, e a triatleta Fernanda Keller, madrinha do evento. São esperados o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc; o ministro das Cidades, Márcio Fortes; os prefeitos do Rio, Eduardo Paes, e de Niterói, Jorge Silveira, e o secretário estadual de Transportes, Júlio Lopes.
- -_Ao longo do percurso, outros 13 grupos de ciclistas, de diferentes regiões do Estado devem se juntaram. Eles vêm de Barreto, Ponto Sem Réis, Rio D'ouro e Itaipu; Rio Bonito, Cachoeiro de Macacu e Maricá; Catete, Flamengo e Laranjeiras; Ilha do Governador; Nova Iguaçu e Pilares.
- -_Em 2008, o passeio ciclístico contou com a participação de cerca de 15 mil pessoas e, para o organizador do evento, Claudio Santos, será uma forma de alertar a população para “o perigo que as pessoas correm com o uso do carro”.
- -_ -Queremos provocar uma reflexão sobre a quantidade de automóveis nas cidades. Muitas pessoas saem de casa de carro, quando poderiam usar o transporte público ou a bicicleta – diz Claudio Santos.
- -_Nesta semana, a Prefeitura do Rio assinou um decreto regulamentando o Dia Mundial Sem Carro, celebrado em diversas cidades do mundo, na próxima terça-feira.
- -_Durante todo o dia, será proibido o estacionamento, inclusive o de veículos oficiais, no quadrilátero que tem como limite a Rua Santa Luzia, Avenida Presidente Antônio Carlos, Rua da Assembleia e Avenida Rio Branco, no Centro.
- -_A campanha ainda marca a criação da Zona 30, em Copacabana, onde o limite de velocidade nas ruas internas do bairro será de 30 km/h.
- -_ – Nós entendemos que o Dia Mundial Sem Carro é uma importância inestimável à diminuição da Poluição da cidade do Rio de Janeiro. Precisamos que a população compreenda essa importância e adote o Dia Mundial Sem Carro ao máximo, para que esse trabalho atinja seus objetivos – relatou o secretário municipal de Meio Ambiente, Carlos Alberto Muniz.
- -_O objetivo principal é estimular a reflexão sobre o uso excessivo do automóvel e uma das principais ideias é incentivar a utilização, no cotidiano, do transporte público ou alternativo, como bicicletas.
- -_ – Não queremos tirar os carros e sim desenvolver os espaços utilizados por eles – acrescentou Muniz, que aconselha a população a ver as ciclovias não só como lazer, mas também como espaço para transporte público, assim como acontece em outras partes do mundo, notadamente na Europa.
- -_O decreto determina ainda que as empresas de ônibus de linhas municipais devem colocar 100% da sua frota em circulação nesse dia e que, de acordo com o secretário de Transportes, Alexandre Sansão, a Guarda Municipal deverá autuar todos os carros, mesmo os oficiais, que tentarem estacionar nas 510 vagas dentro do quadrilátero.
- -_– Pretendemos dar um impacto de pedestres nessas regiões. Durante todo o dia, técnicos estarão fazendo a medição da qualidade do ar e a CET-Rio estará com sinalização específica, principalmente na Zona 30, em Copacabana – afirma Alexandre Sansão.
- -_Em Copacabana, o objetivo é criar espaços de convivência entre carros, bicicletas e pedestres, diminuindo o índice de acidentes e aumentando a qualidade de vida do bairro.
- -_O Dia Mundial Sem Carro foi criado na França em 1998 e hoje acontece em dia mais de 1,5 mil cidades de 40 países participam do evento. Em algumas cidades, como Bogotá, na Colômbia, a celebração desta data já é lei e tem adesão quase total da população.
-
Fonte: JB Online - http://jbonline.terra.com.br
Link Origem: http://jbonline.terra.com.br/pextra/2009/09/19/e19096393.asp

0 comentários: